Florianópolis

Florianópolis-SC

Bem-vindo a Florianópolis!

Aqui você vai encontrar excelentes opções de pousadas em Florianópolis, informações atualizadas sobre a cidade Florianópolis, incluindo fotos enviadas por internautas e os melhores hotéis de Florianópolis.

A cidade de Florianópolis, localizada no estado de Santa Catarina (SC), foi fundada no ano de 1726. A localidade está em uma altitude de 3m em relação ao nível do mar, e possui uma população estimada em 281.928 habitantes. A área total de Florianópolis é de 436,5km², e sua densidade demográfica é de 645,88hab/km² (habitantes por km²). O CEP da região de Florianópolis-SC é 88000-000. Caso você possua informações atualizadas, utilize a área de comentário logo acima para nos enviar a atualização.


Floripa, como é conhecida mundialmente, é a capital do estado de Santa Catarina, no Sul do Brasil e, atualmente, é uma das ilhas mais cobiçadas do país nas altas temporadas. Visitar Florianópolis pode ser uma viagem inesquecível, pois por lá se encontra praias paradisíacas, lagoas e muitas riquezas naturais, como a Lagoinha do Leste, considerada como uma das dez melhores praias do Brasil.

Além disso, Floripa é um ótimo destino porque, além de ser um local com belas paisagens no litoral, ainda conta com o badalo das noites catarinenses! A capital de Santa Catarina possui todos os elementos encontrados em grandes cidades urbanas, como os melhores restaurantes, festas noturnas e todo tipo de comércio.

Para os apreciadores de muito glamour e badalação, Jurerê Internacional é a melhor opção de Florianópolis. O lugar dispõe de diversos bares, hotéis e restaurantes sofisticados localizados à beira mar, oferecendo várias mordomias e a mais bela vista do litoral banhado pelo Oceano Atlântico. Em Jurerê, é normal encontrar celebridades do mundo todo que vivem visitando a ilha, pois se trata do lugar mais luxuoso da cidade.

A Lagoa da Conceição é um dos mais privilegiados pontos turísticos do lugar, portanto, é sempre destino certo para quem visita a capital catarinense. É local das águas doces mais visitadas de Florianópolis, além de servir de cenário para casamentos e festas, durante o ano. Para o turista, a Lagoa da Conceição é um excelente lugar para quem gosta de realizar caminhadas e pedaladas.

A praia Joaquina deve ser destino certo para quem gosta de surfar, assistir a campeonatos mundiais de surfe ou praticar (sandboard) – atividade de deslizar nas belas montanhas de areia, as dunas, que a praia abriga. A Joaquina dispõe das ondas mais agitadas da região e conta com bares, restaurantes, hotéis e pousadas. Já no Campeche, praia com finas areias brancas, é possível praticar esportes radicais como kitesurf, windsurfe e o próprio surfe, além dos tradicionais vôlei de praia, futevôlei e frescobol.

Na Ilha de Anhatomirim é possível ver golfinhos, além da rica fauna e flora do lugar, que ainda abriga um forte, Fortaleza de Santa Cruz de Anhatomirim, área de preservação ambiental aberta para a visitação do público. Assim, pode-se dizer que quem vai a Floripa não esquece tão cedo de uma viagem tão rica em detalhes, que só a ilha de Santa Catarina oferece!

Informações de Florianópolis

Roteiros do Brasil

Roteiro: Santa Catarina, Serra e Mar

 

hspace=0 HISTÓRIA DA CIDADE

A Ilha de Santa Catarina é visitada por navegadores de várias nacionalidades desde o início do século XVI. Fundada por bandeirantes paulistas em fins do século XVII com o nome de Nossa Senhora do Desterro Florianópolis não passava de uma modesta vila de pescadores. Conquista em 1726 a sua emancipação política e recebe entre 1748 e 1756 expressivas levas de colonizadores açorianos e madeirenses. Com a independência do Brasil Desterro se torna capital da Província de Santa Catarina. Já no século XX rebatizada como Florianópolis a cidade reafirma sua vocação como prestadora de serviços em especial depois da chegada da iluminação pública e da inauguração da Ponte Hercílio Luz em 1926. Com a implantação da Universidade Federal entre os anos de 1950 e 1960 e a inauguração da BR-101 na década de 1970 Florianópolis firma-se como grande pólo turístico estadual.

 

 

 

Aniversário da Cidade

 

23 de Março 

hspace=0 CARACTERÍSTICAS

A capital do Estado é moderna e cosmopolita onde o novo e o antigo convivem harmoniosamente quer nos balneários agitados quer nas pacatas vilas de pescadores. Tem mais de 100 praias, inúmeros parques, reservas naturais, praças, lagoas, dunas históricas...

 

Clima

Temperado

Temperatura Média

20,4º C 

hspace=0 COMO CHEGAR

Florianópolis fica numa encantadora ilha do Oceano Atlântico dotada de todos os meios de acesso. O Aeroporto Hercílio Luz é o maior do Estado e recebe vôos internacionais. Acesso rodoviário pela BR-101 tanto para quem vem do norte quanto para quem vem do sul.

Localização

Cidade Insular Litorânea - Capital do Estado de Santa Catarina. 

Limites

Oceano Atlântico, São josé, Angelina, Antônio Carlos e Santo Amaro da Imperatriz. 

Acesso Rodoviário

 

BR-101 

Distâncias

 

1315 km do Distrito Federal (Brasília)

hspace=0 TURISMO

 

 

Principais Pontos Turísticos

 

 

Catedral Metropolitana 

A mais importante igreja, a Catedral, localizada no ponto dominante do centro da cidade, sofreu grandes transformações ao longo de sua história. Em meados do século XVIII, a capela que existia no local não comportava mais os fiéis que assistiam às missas. O então governador da Província, Brigadeiro Silva Paes, projetou uma nova igreja em 1748. O início da obra aconteceu em 1753 e a conclusão em 1773, já no governo de D. José de Belo Manoel. As principais mudanças foram o alargamento das paredes no sentido lateral e a colocação de um alpendre ao estilo neoclássico, já neste século, em substituição à antiga porta da entrada principal. Atualmente passa por uma reforma externa, visando realçar a sua beleza arquitetônica. Endereço: Praça 15 de Novembro - Centro
 
Forte São José da Ponta Grossa 

A fortaleza de São José da Ponta Grossa fica distante 25 quilômetros do centro de Florianópolis, na Ilha de Santa Catarina. Estrategicamente situada no alto de um morro, emoldurada pela beleza dos costões e areia branca da praia do Forte, constituía o terceiro vértice do sistema triangular de defesa. A maioria de seus edifícios completou sua restauração na segunda metade da década de 90. Entre os edifícios, o mais significativo é a Casa do Comandante, construção curiosamente geminada ao Paiol de Pólvora, formando o único conjunto com dois pavimentos no local. A força e a sobriedade da composição geradora do pátio principal, delineado pelo sobrado colonial e a austera capela, espelham bem a importância e a inter-relação dos poderes do Estado e a Igreja no século XVIII. Além da própria Universidade Federal de Santa Catarina, que organiza passeios com estudantes e estudiosos, empresas particulares exploram passeios turísticos para fortalezas que se localizam em ilhas (Anhatomirim e Ratones Grande). As excursões são feitas em escunas e a principal empresa do ramo é a Scuna Sul. Mesmo fora da temporada de verão, há excursões diárias em diferentes horários e com serviço de bordo. Alem desses serviços, baleeiras são encontradas em diversas praias e na Lagoa da Conceição para passeios nas proximidades. Endereço: Praia do Forte, 25km - Centro

Beira Mar Norte

CAPITAL DA DIVERSIDADE O visitante que chega a Florianópolis em qualquer época do ano depara-se com um intrigante problema: o excesso de diversidade. Por isso, o bom turista deve eleger algumas prioridades. Se a oferta de praias pode ser considerada exagerada, há também história, como as várias fortalezas que cercam a Ilha de Santa Catarina. Elas não passam despercebidas por ninguém. Algumas restauradas, outras em ruínas, são um espetáculo à parte e representam hoje o mais significativo patrimônio da Marinha Brasileira em todo o Atlântico. Para defender Florianópolis de invasões, Portugal edificou vários fortes em locais estratégicos para controlar o acesso pelo norte e sul à vila do Desterro. De 1738 a 1761, foram construídas cinco fortalezas. A de São José de Ponta Grossa foi a primeira a ser erguida. A mais imponente é a de Anhatomirim, onde foram investidos mais de US$ 1 milhão na sua recuperação. Vários outros monumentos estão incorporados à história de Florianópolis. Um dos principais é a ponte Hercilio Luz, por décadas tida como principal cartão postal da cidade, interditada ao tráfego por estar com suas estruturas avariadas. Com 819 metros de extensão, foi inaugurada em 1926, com duas torres de 75 metros de altura. É um raro exemplar de ponte pênsil existente no mundo. Outro ponto que merece visitação é a Catedral Metropolitana, localizada na parte mais central da cidade e no mesmo local onde Francisco Dias Velho construiu, em 1675, uma capela em homenagem a Nossa Senhora do Desterro. Nela, foi morto num ataque de piratas. Posteriormente foi substituída por uma pequena igreja que mais tarde transformou-se em catedral. Distante poucos metros fica o Palácio Cruz e Sousa, construído no século XVIII, inicialmente utilizado como residência e local de trabalho do Presidente da Província, passando a abrigar os governadores de Santa Catarina até a metade deste século. Hoje sedia o Museu Histórico de Santa Catarina. O prédio da Alfândega é outro belo exemplar da história de Florianópolis. Foi construído entre 1875 e 1876, com uma arquitetura neo-clássica, rica em detalhes. Nas proximidades da Alfândega fica o mais tradicional centro comercial da cidade, o Mercado Público, com 140 boxes abrigando estabelecimentos que vendem produtos típicos (peixes, carnes, frutos do mar, móveis em vime e louças de barro), onde transitam cerca de 10 mil pessoas por dia. O prédio foi inaugurado em 1898. Além do centro da cidade, há vários monumentos de importância histórica e arquitetônica no interior da Ilha, especialmente nas localidades do Ribeirão da Ilha e Lagoa da Conceição. É especialmente no verão que o visitante de Florianópolis pode ver algumas das mais significativas manifestações folclóricas da cidade, todos com forte influência açoriana e espanhola, como o boi-de-mamão.

Forteleza de Santa Cruz
 
Seculares, elas circundam a Ilha de Santa Catarina, distribuídas ao longo de sua costa de 172 quilômetros, recentemente revitalizadas e abertas à visitação pública. São monumentais fortalezas que constituíram até recentemente o principal projeto na área de patrimônio cultural do Brasil. A restauração completa da maior delas, a de Santa Cruz de Anhatomirim, vem consolidando estes monumentos históricos como principais pontos de atração turística de Florianópolis. São milhares de visitantes de todo o país e do exterior, principalmente de países vizinhos. A média nos meses de janeiro e fevereiro (alta temporada de verão) tem sido de 400 mil pessoas. Do conjunto de fortalezas, a maior e a que sofreu menos danos ao longo dos séculos foi a de Santa Cruz, que juntamente com as de Santo Antônio e São José formava o sistema defensivo triangular que guardava a entrada da barra norte da Ilha de Santa Catarina. Esse sistema de defesa tinha como base o cruzamento de fogos. Cada canhão da fortaleza deveria atingir a metade da distância entre as outras duas de forma que fosse possível o bloqueio do acesso aos inimigos. Endereço: Acesso via barco que saem do Trapiche Beira Mar Norte e da Praia de Canasvieira.

Fortaleza de Santo Antônio
 
A Fortaleza de Santo Antônio, na ilha de Ratones Grande, é a segunda maior da região. Sua construção teve início em 1740, concluída quatro anos depois. Permaneceu em ruínas até 1990, quando foi iniciada sua recuperação. Também com traços renascentistas, os principais edifícios estão implantados em linha, guarnecidos pela costa e voltados para o mar. O paiol de pólvora, situado no ponto mais proeminente do térreo, é a única construção com dois pavimentos. Os edifícios, bem como as muralhas que os resguardam, foram construídos à base de cal. Entre os elementos arquitetônicos mais significativos da fortaleza destacam-se a portada, a fonte de água e o aqueduto. Este, que une a casa do comandante ao quartel da tropa, integra um interessante e original sistema de captação, condução e aproveitamento das águas pluviais provenientes dos telhados dos edifícios principais. Endereço: Acesso via barcos que saem do Trapiche da Beira Mar Norte - Centro
Visitação: Diariamente, das 9h às 17h.

Ilha do Campeche 

Localizada a 20 km do centro da cidade, é uma praia bastante larga, circundada por pequenas dunas e vegetação rasteira. É uma das boas opções para o surf na Ilha. Sua extensão é de 11,4 km e a estrada que dá acesso ao mar é bem servida em termos de bares e restaurantes. Em frente à praia está a Ilha do Campeche, com exuberante vegetação nativa. De 1926 a 1939, o escritor e aviador francês Saint-Exupéry (O Pequeno Príncipe) fazia escala no aeródromo natural do lugar. Endereço: Acesso via barcos que saem da Praia da Armação - Centro

Lagoa da Conceição 

A Lagoa da Conceição disputa com a Ponte Hercílio Luz a condição de principal cartão postal da cidade. Pode-se dizer também que diferentes mundos que habitam Florianópolis - o cosmopolita e o interiorano - se cruzam na Lagoa. Apesar de não ter ondas, ela é o lugar onde mora a maioria dos surfistas. Apesar de não ter bibliotecas, teatros e cinemas, ela é o reduto de artistas e intelectuais. Apesar de não ter um grande palco para shows, abriga em seus bares os mais distintos ritmos para embalar suas noites. Quem procura diversão e arte não pode perder a Lagoa de vista. Ao seu redor ficam as melhores praias para o surf e outros esportes radicais. Dos morros que a circundam, surgem asas e paraglides colorindo o céu. Nas dunas, desde a Avenida das Rendeiras – onde encontram-se os últimos redutos do artesanato da renda de bilro - até a Joaquina, pratica-se o sandboard. Em suas águas, imperam as lanchas, jet-skis, pranchas de windsurf e barcos à vela de todos os tipos e tamanhos. A Lagoa esteve durante muito tempo ligada a vários núcleos próximos. Entre estes, estão a Barra da Lagoa, a Costa da Lagoa e o Canto da Lagoa, comunidades de pescadores que preservam muitas das características culturais. No Canto da Lagoa descobriu-se um sambaqui (cemitério indígena) onde foram recolhidos machados semi-polidos, cerâmica e outros vestígios arqueológicos. A Costa da Lagoa é uma típica colônia de pescadores. Sua origem está ligada à ocupação da própria Lagoa da Conceição. Nos séculos XVIII e XIX, a Costa da Lagoa alcançou prestígio pelo forte intercâmbio de mercadorias que ali eram produzidas e levadas para a Lagoa e outros núcleos. A grande quantidade de cultivos e os muitos engenhos que ali existiram podem ser avaliados atualmente. Há ainda alguns engenhos típicos, casarões e sobrados ao longo do secular caminho de pedras que liga as duas comunidades. Aquele núcleo de pescadores e rendeiras ainda desenvolve suas práticas artesanalmente, como nas gerações passadas. Um decreto municipal tombou a Costa da Lagoa como Patrimônio Histórico Cultural. Endereço: Fica nas imediações da Avenida das Rendeiras - Centro

Lagoinha do Leste

Outra praia selvagem que só pode ser alcançada a pé, a Lagoinha do Leste merece ser visitada. É acessível após uma caminhada de aproximadamente uma hora pela trilha existente no morro. Não possui bares ou restaurantes, mas é um paraíso natural, de areias macias e mar consideravelmente agitado. Além disso, tem uma lagoa localizada no lado esquerdo em cujas margens os campistas se instalam. Com uma extensão de 1,25 km, é um autêntico santuário da natureza. Endereço: O melhor acesso é feito a pé saindo da comunidade do Pântano do Sul - Centro

Museu Casa da Alfândega 

O edifício da antiga Alfândega foi construído em 1875/76, em substituição à sede anterior, incendiada dez anos antes. O estilo da construção é neoclássico, atualmente abriga a Associação Catarinense de Artistas Plásticos - ACAP - e uma loja de artesanato local. Pode-se constatar no local exposições de artesanato e obras de artistas locais e segmentos populares. Atualmente funciona também um bar que permanece aberto até 23 horas. Bairro: Centro
Visitação: Diariamente, das 9h às 17h.

Palácio Cruz e Souza 

O Palácio Cruz e Sousa está situado no Largo da Catedral Metropolitana, em frente à Praça XV de Novembro. Construído no século XVIII, conforme uma planta do Brigadeiro José da Silva Paes. Servia de residência e local de trabalho para o Presidente da Província e mais tarde para os Governadores de Santa Catarina. O Palácio do Governo foi rebatizado mais tarde de Palácio Cruz e Sousa em homenagem ao poeta Cruz e Sousa, considerado expressão máxima do Movimento Poético Simbolista no Brasil. Endereço: Praça XV de Novembro, 227 - Centro. Tel: (48) 221-3504
Visitação: 3ª a 6ª, das 10h às 19h; sáb. e dom., das 13h30 às 19h.
 
Pântano do Sul 

Esta praia é uma das mais ricas colônias de pescadores da Ilha, com boas opções em restaurantes. Seu mar é relativamente agitado, mas com ondas não muito grandes e sem maiores riscos para banho. Distante 31 km do centro, ali está localizada uma das reservas arqueológicas da Ilha, além do pântano, ecossistema que originou seu nome. A faixa de areia, na sua maioria úmida, é bastante larga. Endereço: Sul da Ilha, hà cerca de 28 Km do Centro - Centro 

Ponta das Canas

Segue a tendência natural do norte da Ilha, que, historicamente, em função da necessidade de defesa contra os ataques espanhóis, foi ocupado e urbanizado em escala muito maior do que o sul. Distante 34 quilômetros do centro, se caracteriza por apresentar águas mansas e geralmente quentes. Sua extensão é de 1,9 quilômetro de areia clara e fina. Boa opção para a prática de esportes náuticos, é um dos balneários mais procurados por turistas argentinos e uruguaios. Endereço: Fica a 34km do Centro.

Ponta do Sambaqui 

Pertencente ao distrito de Santo Antônio de Lisboa, Sambaqui é uma opção para quem procura tranqüilidade numa das áreas mais agradáveis para o lazer e o descanso. Distante 17 km do centro, sua praia tem 1,10 km de extensão. O nome Sambaqui teve origem no amontoado de conchas dispersas em suas areias, chamando a atenção dos pesquisadores por revelar, de tempos em tempos, algum animal ou vegetal fossilizado, além de resquícios de comunidades indígenas que habitavam a região. Suas águas claras são calmas, quase paradas. A linha de praia apresenta um relevo formado por costões. Local da Ilha onde ainda sobrevive a dança folclórica do boi-de-mamão, Sambaqui tem vários bares na praia e bons restaurantes. Endereço: Localiza-se a 15km do centro de Florianópolis - Centro

Ponta dos Naufragados 

Para se chegar até esta praia percorre-se 28 km desde o centro até o Ribeirão da Ilha e mais 12 km por estrada de chão até a Caieira da Barra do Sul. Depois é necessária uma caminhada de 3 km para se chegar ao destino final, que corresponde ao ponto mais extremo do sul da Ilha. Apesar do esforço, o passeio é agradável. O nome da praia está ligado a um naufrágio ali ocorrido em 1715 com um barco de imigrantes açorianos. Com uma extensão de 1500 metros de areias claras, é uma praia de mar bravio e águas geralmente frias. Muito procurada pelos adeptos do camping selvagem e surfistas. Para quem prefere maior comodidade, há um acesso pelo mar a partir do Ribeirão da Ilha. O passeio de barco é de rara beleza, pois o trajeto ocorre ao longo dos costões onde a vegetação da Ilha se apresenta muito preservada. Endereço: Fica a 15km do centro de Florianópolis - Centro

Ponte Hercílio Luz 

A ponte Hercílio Luz começou a ser construída em 1922, sob orientação de engenheiros e técnicos norte-americanos. Sua conclusão aconteceu quatro anos depois, em 13 de maio de 1926, sem que o governador, sob qual mandato a obra foi realizada e que lhe emprestou o nome, pudesse vê-la concluída. Trata-se da única sobrevivente de seu modelo e uma das maiores pontes pênseis do mundo. Possui 819 metros de comprimento e duas torres de 75 metros de altura a partir do nível do mar. Atualmente encontra-se totalmente fechada para qualquer tipo de trânsito, inclusive de pedestres. Bairro: Centro
 
Praia Brava

O mar agitado e frio, geralmente com ondas fortes, é ótimo para o surf e proporciona excelentes banhos. Distante 38 quilômetros do centro, a Brava fica atrás de um morro que permite uma visão magnífica de seu alto, antes da chegada à praia. Sua extensão é de 1,7 quilômetros de areia macia. A faixa de areia inclinada faz com que o mar tenha uma profundidade considerável logo na beira. As opções de comércio nesta praia, que foi recentemente urbanizada com a construção de um imponente conjunto de prédios em estilo mediterrâneo, vem aumentando ano a ano. Endereço: Fica a 38km do Centro de Florianópolis - Centro

Praia da Joaquina 

Mundialmente famosa por suas excelentes condições para a prática do surf e pela infinidade de competições deste esporte nela sediadas, as dunas da Joaquina oferecem condições para uma nova modalidade de esporte – o sandbord. Seu nome origina de uma lenda na qual uma velha rendeira, de nome Joaquina, estava em suas areias realizando seu ofício quando foi tragada por uma enorme onda. Praia de mar agitado, distante 17 km do centro, é chamada de Joaca pelos surfistas. Com extensão de 3,5 km, é uma das que oferecem melhor infra-estrutura aos visitantes, com hotéis, restaurantes, bares, terminal turístico com posto policial e de salva-vidas, chuveiros públicos e sanitários. A prática da natação exige atenção devido a grandes ondas e correntes. Invariavelmente, a Joaquina está repleta de surfistas e bodyboarders com suas roupas coloridas. O futebol de areia e o vôlei de praia são constantemente praticados ali. Dotada de um amplo estacionamento pago, também possui sorveterias e lojas de artesanato. Um eficiente sistema de iluminação permite o surf e a prática de outros esportes à noite. Endereço: Fica a 17km do Centro. 
 
Praia da Saudade
 

No continente, de frente para a Ilha, ficam belas praias de mar calmo. Dão nome a bairros da cidade e foram coqueluche nos anos 50 e 60. As dos bairros Coqueiros e Estreito não são habitualmente utilizadas para banhos. Em compensação, no caso de Coqueiros, oferecem ótimas paisagens, como a praia da Saudade, do Sorriso, do Meio, Itaguaçu e das Palmeiras, além da do Bom Abrigo, localizada no Bairro Homônimo. No Estreito encontra-se a praia do Balneário, uma opção para caminhadas e prática de esportes. Bairro: Centro

Praia Daniela 

Com uma extensão de 3 quilômetros e distante 26 quilômetros do centro, esta praia é ocupada essencialmente por casas de veraneio. De águas claras e mar calmo, é muito procurada por famílias com crianças. Não oferece muitas opções em serviços. Endereço: Fica a 26 km do centro. 

Praia das Palmeiras 

No continente, de frente para a Ilha, ficam belas praias de mar calmo. Dão nome a bairros da cidade e foram coqueluche nos anos 50 e 60. As dos bairros Coqueiros e Estreito não são habitualmente utilizadas para banhos. Em compensação, no caso de Coqueiros, oferecem ótimas paisagens, como a praia da Saudade, do Sorriso, do Meio, Itaguaçu e das Palmeiras, além da do Bom Abrigo, localizada no Bairro Homônimo. No Estreito encontra-se a praia do Balneário, uma opção para caminhadas e prática de esportes. Bairro: Centro
 
Praia do Matadeiro

Separada da praia da Armação por um pequeno rio, esta praia possui apenas 200 metros e só pode ser alcançada a pé. Além do surf, o local é excelente para a prática de vôlei, frescobol e futebol. Possui bares que servem refeições e lanches variados. Bairro: Centro

Praia do Meio 

No continente, de frente para a Ilha, ficam belas praias de mar calmo. Dão nome a bairros da cidade e foram coqueluche nos anos 50 e 60. As dos bairros Coqueiros e Estreito não são habitualmente utilizadas para banhos. Em compensação, no caso de Coqueiros, oferecem ótimas paisagens, como a praia da Saudade, do Sorriso, do Meio, Itaguaçu e das Palmeiras, além da do Bom Abrigo, localizada no Bairro Homônimo. No Estreito encontra-se a praia do Balneário, uma opção para caminhadas e prática de esportes. Bairro: Centro

Praia Mole

Ótima opção para o surf, a Mole não é recomendada para crianças. Há buracos logo na beira. Localizada a 15 km do centro, entre a Lagoa da Conceição e a Barra da lagoa, tem tal nome por causa da maciez de suas areias. Também é dotada de estacionamento público, chuveiros, sanitários e posto de salva-vidas. Há bares que servem frutos do mar e lanches. Com suas águas sempre frias, é o point da moda na cidade. Freqüentada essencialmente por jovens, agita-se nas noites de verão com seus bares de música ao vivo. Também é uma das preferidas pelos praticantes de frescobol. Endereço: Localizada a 15 km do centro, entre a Lagoa da Conceição e a Barra da lagoa. Bairro: Centro.  

hspace=0 Informações Úteis

 

Prefeitura Municipal de Florianópolis.

hspace=0 turismo@pmf.sc.gov.br  

hspace=0 Fone/Fax: (48) 251-6060 / 6067

hspace=0

 

 

hspace=0 Agência Central dos Correios
Praça XV de Novembro, 242 - Centro - Tel: (48) 229-4336

 

 

 

 

hspace=0

hspace=0 Pronto Socorro - 192

hspace=0 Terminal Rodoviário Rita Maria.
Av. Paulo Fontes, 1101 – Centro - Fone: (48) 212-3127

 

Cartório de Registro Civil de Santo Antônio de Lisboa
Rodovia SC 401, 4153 km 4 - Saco Grande
Florianópolis-SC
Fone: ( 48) 3335-6070

 

Créditos

Informações e fotos

Sites:   www.pmf.sc.gov.br

           www.guiafloripa.com.br

Comentários de Florianópolis

Tive o prazer de conhecer Floripa em Set/06, realmente uma cidade que vale a pena conhecer, fiquei encantado com as belezas naturais da cidade, um astral maravilhoso e com um povo bem hospitaleiro. É sempre uma boa pedida ir na ilha da magia, eu simplesmente amo Floripa !!!
Por: Marcilio Gomes dos Santos

gostei de mais é uma cidade encantadora principalmente canasvieira é uma cidade e tanto vale apena conhecer
Por: maristela arruda

Sou de Aracaju, AMO minha cidade e nunca imaginei que fosse dizer que amei conhecer nenhuma outra cidade tanto quanto amo a minha: Florianópolis é uma das melhores e mais bonitas cidades que já conheci. É indescritível, só sabe quem conhece!!! Morei lá um ano e adoraria passar o resto dos meus dias naquele paraíso.
Por: Evelyn Versteeg

CONHECI FLORIPA ANO PASSADO ! AMEI ESSE LUGAR E A EDUCAÇÃO E GENTILEZA DE SEU POVO..DEPOIS DA MINHA QUERIDA NOVA FRIBURGO, FLORIANÓPOLIS É MEU SEGUNDO PARAÍSO!
Por: ROBERT

EM MARÇO DESTE ANO, TIVE O PRAZER E PRIVILÉGIO EM CONHECER, ESTE PARAÍSO, CHAMADO FLORIANÓPOLIS.É UMA LINDISSIMA ILHA COM UM POVO MUITO ACOLHEDOR E EDUCADO. FIQUEI NA PRAIA DE MATADEIRO, LUGAR DE MUITA NATUREZA,PRAIA LIMPISSIMA,TRANQUILA,DE ACESSO RESTRITO A PEDESTRE , SEM VEICULOS MOTORIZADOS, MAS COM EXCELENTE APOIO COMERCIAL E DE RESTAURANTES NA PRAIA AO LADO (ARMAÇÃO) E UMA VILA DE PESCADORES, NÃO DEIXE DE FAZER O PASSEIO DE BARCO ATÉ A ILHA CAMPECHE. JÁ ESTAMOS COM SAUDADES, VOLTAREMOS ANO QUE VEM.
Por: JORGE E NILZA

Essa Capital e um sonho.Deus colcou coisas maravilhosas e pessoas formidaveis em cada canto desse lugar estonteante.
Por: Rogerio Teixeira

Conheço sim, é uma cidade linda, limpa, de um povo muito gentil. As praias são as melhores que conheço, o clima gostoso do verão, oportunidade de conhecer gente nova, etc. ´Quero voltar sempre.
Por: Lenilson Moutinho

Moro em São Paulo, e visitei a ilha à pouco tempo, ainda não conhecia, nossa!!! Vou voltar sempre que eu puder, a cidade é linda, limpa, praias maravilhosas, lindas, lindas, muito bom, fiz fotos maravilhosas. Tudo de bom! próxima férias aqui, com certeza!
Por: Maria Clara

eu ja conheco florianopolis gostaria de ir denovo pois e uma linda cidade parabens florianopolis........
Por: marli biasoli

Maravilhosa - ainda vou morar lá. Amo Canasvieiras, é meu local preferido.
Por: Edalva

Florianópolis tem o astral de city surf, qualquer swell, vai rolando ondas. São 42 praias na Ilha da Magia, tem de diversos tipos. Aglumas praias são de mar calmo para relaxar. Tem uma cultura local interessante. Sou de Niterói-RJ e amei Floripa. Boas dicas para ficar: Ingleses, Lagoa da Conceição, Jurerê, Praia Brava. Boas dicas para surfar: Mole, Moçambique, Santinho, Ingleses, Matadeiro, entre muitos outros picos no sul, leste e norte da Ilha (alguns secret point´s). Mulheres bonitas e amáveis. Alguns eventos imperdíveis como o Planeta Atlântida. Visuais incríveis, boas trilhas ecológicas, muitas belezas naturais. Tem lagoas e pequenas cachoeiras. Vale muito apena passar longas férias.
Por: Heverton Vieira da Silva

Tudo em Floripa é ótimo e lindo! Ainda não conhece? Vale a pena conferir.Mas vale mesmo!Zenaide Montenegro,catarinense de alma e coraçãp.
Por: Zenaide M. G. Montenegro

lindo maravilhoso este estado SC merece tudo de bom
Por: niusa

cONHEÇO A ILHA DE SANTA CATARINA E CANASVIEIRAS, JOAQUINA,PANTANO SIL E PALMAS E CAMBORIU QUERIA VOLTAR A VISITAR SC.UM GRANDE ABRAÇO
Por: klaus echeveste kleinubing

0
hotéis, pousadas e serviços encontrados em Florianópolis
Fundação:
1726
Altitude:
3m
População:
281.928 habitantes
Área:
436,5km²
Densidade Demográfica:
645,88hab/km²
CEP:
88000-000

Envie seu comentário sobre Florianópolis