Otvio Rocha

Otvio Rocha-RS
banner

Bem-vindo a Otvio Rocha!

banner

Inmeras opes de hotis em Otvio Rocha e pousadas so uma das atraes desta seo do Portal Frias. Alm dessas e outras opes de hospedagem, voc ter acesso a informaes atualizadas e fotos enviadas por internautas da cidade de Otvio Rocha.

Informaes de Otvio Rocha

Roteiros do Brasil

hspace=0 HISTRIA DA CIDADE

               Otvio Rocha atualmente distrito de Flores da Cunha/RS. No incio da colonizao teve a sua origem como outras centenas de comunidades, recebendo a partir de 1882 os primeiros imigrantes italianos provenientes em sua grande maioria da regio das cidades de  Schio, Chiampo e Arzignano, da Provncia de Vicenza. A colonizao que iniciara em 1875 na chamada regio dos Fundos de Nova Palmira- Campos dos Bugres e posterior Colnia Caxias,  vai se estendendo em direo ao norte do Estado, passando para as regies da Linha 30, Linha 40, Linha 60, Flores da Cunha 1877 -  (antiga Nova Trento), Santa Justina e Otvio Rocha em 1882. O Distrito de Otvio Rocha tem como base diversos Travesses destacando o Marqus do Herval, Jacinta, Marcolino Moura, Pinhal, Esperana, Carvalho e outros.  No Travesso Marcolino Moura se instalou a famlia Fracasso, no lote rural n 18.  Este encontra-se  localizado antes de entrar na vila de Otvio Rocha, prximo ao atual cemitrio. A rea do cemitrio  foi doada, em parte,  pela famlia no final do sculo Dezenove.  

                Conta a tradio oral, dos primeiros descendentes, que no ano de 1882, do Travesso Felisberto da Silva (atual Linha 60), armados de machados, serra, foices e faces e ainda alguns mantimentos, quatro homens embrenham-se na selva, por estreita picada em busca do Travesso Marcolino Moura. No perodo de 05.10.1881 at 31.12.1882, o Engenheiro Joo Maria de Almeida Portugal cuidou da abertura desse caminho no interior da 10 Lgua da Colnia Caxias. Prximo ao riacho, atualmente denominado de Otvio Rocha, no lote n 11, em terras de propriedade da famlia Smiderle, os quatro desbravadores param. Derrubam as primeiras rvores. Erguem com suor uma pequena cabana: o barraco dos imigrantes. As tbuas so feitas com o auxlio da serra e a golpes de machado. Seus nomes, segundo a tradio, ficam agora para sempre na histria: Giovanni Bortolozzo, Giusepe Fracasso, Luiz Magnabosco e Giovanni Batista Ferrari. Quando o local estava pronto, voltou a pequena expedio at o Travesso Felisberto da Silva e com alegria que revem suas companheiras e filhos. Da partem todos e tomam conta, em definitivo, da nova terra. Era abril de 1882.

                Todos viviam em comunho, comendo do mesmo alimento, participando dos mesmos trabalhos. O pinho foi a princpio, muito presente na sua rstica mesa. Os frutos do mato, os pequenos animais selvagens e os pssaros em abundncia mataram a fome dos pioneiros atirados selva, longe das cidades, das rodoviais e ou dos rios navegveis. Abriram-se aos poucos novas clareiras na mata. terra preta e fertilssima foram atirados os primeiros gros de milho, depois do trigo, o feijo, o linho, batatas e outros. E o cho generoso os recompensou com a fartura de  boas colheitas. Com o passar do tempo, os agricultores tomaram posse de suas colnias, adquiridas do Governo Imperial. Novas levas de imigrantes foram chegando. A abundncia da madeira, especialmente representada pelos altivos pinheiros, oportunizou a construo de grandes casas para acolherem as numerosas famlias. Pela experincia que os imigrantes tinham de utilizar a pedra, para construir habitaes nas montanhas ou plancies da Itlia, tradio essa que vinha de gerao em gerao, alguns colonizadores edificaram as suas moradias utilizando a grande quantidade de pedras oferecidas pela natureza. A terra era propcia e muito parecia  a sua regio de origem, razo pela qual plantaram as primeiras parreiras. Elas deram frutos generosos e  transformou-se na principal atividade agrcola, criando uma rea de fartura. 

                Segundo Vnia  Merlotti Comunidade italiana Pode-se conceituar comunidade como um grupo espontneo, dotado de uma cultura comum, no qual seus membros se definem pelo fato de viverem juntos, de modo ntimo, privado e exclusivo. A comunidade italiana, de tipo campesino, transplantou uma cultura de outra origem, com costumes prprios, tradies distintas, crenas, valores e tcnicas para poder desenvolver sua vida comum. Localizadas no interior dos municpios, algumas dessas colnias emanciparam-se, formando os municpios independentes do Estado.  Entretanto, algumas no tiveram o mesmo progresso e permaneceram os pequenos agrupamentos ligados a povoados maiores. o caso de Otvio Rocha. Inicialmente pertencente Colnia Caxias,  a partir de 1904 se integra ao distrito de Nova Trento e posteriormente ao distrito de Nova Pdua e a partir de 17 de maio de 1924 ao novel municpio de Nova Trento (atual Flores da Cunha). Em que pese possuir todas as condies para se emancipar na nica tentativa foi frustada a aspirao devido a presso de comunidades vizinhas e a movimentos polticos.

                Otvio Rocha ao longo de sua existncia teve altos e baixos. Manteve-se serena sombra de sua campanrio de pedras, viu seus inmeros filhos emigrarem e conquistarem outras terras. De Otvio Rocha partiram para uma Segunda imigrao em poucos anos, dezenas de famlias, caminhando  e acompanhando o transporte via carretas para alm dos Vales das Antas  em direo Antnio Prado, Para, Sananduva, Erechim, Iju, Santa Rosa e So Marcos, entre outros.  

Significado do Nome

O Dr. Otvio Rocha foi um grande poltico gacho, senador, deputado e prefeito de Porto Alegre. Ao ajudar na emancipao de Flores da Cunha (antiga Nova Trento) teve o seu nome lembrado quando da criao do 3 distrito do novel municpio.  

Aniversrio da Cidade

 

hspace=0 CARACTERSTICAS

Distrito de Flores da Cunha/RS. O distrito conta com 06 restaurantes, um hotel, uma pousada, 3 parques e vrios atrativos tursticos. 

Clima 

Subtropical 

Temperatura Mdia

 

hspace=0 COMO CHEGAR

Localizao

 

Limites

 

Acesso Rodovirio

RS.122, BR-116, VRS-122 e Vicinal Santa Justina 

Distncias

 

hspace=0 TURISMO

Principais Pontos Tursticos

PARQUE DA GRUTA  

Propriedade da Associao dos Amigos de Otvio Rocha, o Parque da Gruta uma rea localizada a um quilometro da vila de Otvio Rocha que abriga em seu interior uma gruta natural e cascata. A gruta formada por uma grande rocha que se projeta, formando um local que pode abrigar at 200 pessoas. Em frente a gruta despenca uma cascata de aproximadamente 25m de altura e forma um lago natural. No interior da gruta h uma fonte natural e em local de destaque sobre uma rocha interna, foi colocada a imagem de N. Senhora das Graas em 20.01.1980 e que recebe a cada ano, no primeiro domingo de dezembro, uma festa votiva.

MUSEU PADRE ALBERTO LAMONATTO

O museu est instalado dentro do prdio da sub-prefeitura de Otvio Rocha e contem o acervo histrico doado pelo Pe. Alberto Luiz Lamonatto, com destaque para as colees de licores e vinhos. O museu foi inaugurado em 1998, com o acrscimo de doaes dos moradores de Otvio Rocha. Endereo: Praa Regional da Uva Prdio da Sub-Prefeitura. Horrio Comercial: 2 a sbado. Fone: (54) 3279-1298

 

hspace=0 EVENTOS

hspace=0 Informaes teis

Prefeitura Municipal de Otvio Rocha

hspace=0 

hspace=0 

hspace=0

hspace=0 

hspace=0

hspace=0 

hspace=0 

 

Crditos

Informaes e fotos

Sites:       Sr. Floriano

Comentrios de Otvio Rocha

Conhci esta pquena cidade perto de Flores da Cunha e tem um bom hotel. No esta no site de vocs.
Por: cesar

H muitos anos estive visitando Otvio Rocha (RS) e fiquei hospedado num tipo de hotel (no me recordo o nome), onde pela manh colhiamos uvas sob as videiras. muito linda essa regio e gostaria de saber se existe algum hotel por l. Atenciosamente. L.Fernando.
Por: Luiz Fernando Secco de Azevedo

lugar maravilhoso,fui a trabalho e adorei ter ido la,abraos a galioto do barzinho e a todos os moradores,vao la voces nao vao se arrepender!
Por: sandro de teresopolis

0
hotis, pousadas e servios encontrados em Otvio Rocha

Envie seu comentrio sobre Otvio Rocha

banner