Escolha uma cidade
HOME   |   CADASTRE-SE NO PORTAL   |   ÁREA PARA PARCEIROS   



Conhece Niterói?
seta piscando Deixe seu comentário!
Envie suas fotos!

Niterói

INFORMAÇÕES | FOTOS |VíDEOS | HOSPEDAGEM | RESTAURANTES | AGÊNCIA DE TURISMO | IMOBILIÁRIAS | LOCADORA DE VEÍCULOS | GUIAS DE TURISMO | OUTROS




Roteiros do Brasil

Região Metropolitana

hspace=0 HISTÓRIA DA CIDADE

Como muitas das cidades brasileiras, Niterói tem sua história ligada ao período colonial. Contudo, ao contrário de muitas outras, originou-se da doação por Portugal de uma sesmaria ao líder indígena Araribóia que aliou-se aos portugueses na defesa do domínio luso sobre as terras recém anexadas ao Império Colonial Português contra as tentativas francesas de também montar um império ultramarino.
As antigas rivalidades entre os grupos indígenas existentes no recôncavo da Guanabara e as promessas dos conquistadores podem nos explicar a participação de Araribóia e sua tribo ao lado dos peró contra os mair que contaram com o apoio de outros grupos indígenas.
A concessão da sesmaria, portanto, a Araribóia representava o pagamento pela participação da tribo no processo de expulsão dos franceses e o enraizamento do domínio português na margem esquerda da Baia de Guanabara, por contar com um aliado inconteste na defesa da dominação lusa.
Contando com pequenas enseadas de águas tranqüilas, desde o período colonial enraizaram-se atividades produtivas que exploravam estas características naturais, como é o caso da pesca e da construção naval.
O mesmo se pode dizer com relação às suas características de relevo, clima, vegetação etc., que possibilitaram rapidamente o desenvolvimento agrícola exportadora, particularmente no caso do açúcar, e para a produção de gêneros alimentícios agropecuários para atender às demandas de abastecimento, não só da cidade, como da própria Cidade do Rio de Janeiro que, desde o século XVIII vinha se transformando na mais importante cidade brasileira. 

Significado do Nome

Niterói significa porto sinuoso conseqüentemente, água que se esconde - no dizer dos primitivos habitantes, os índios. 

Aniversário da Cidade:

22 de Novembro 

Gentílico:

niteroiense

População:

487.327 habitentes  

hspace=0 CARACTERÍSTICAS:

Às margens da Baía de Guanabara, Niterói é uma das mais belas cidades do Brasil, com riquezas naturais e patrimônio arquitetônico que atraem turistas de todas as partes do mundo.

Clima:

Quente e Semi-úmido  

Temperatura Média:

23,1º C    

hspace=0 COMO CHEGAR:


Localização:

Município da Região Metropolitana da Capital do Estado do Rio de Janeiro  

Limites:

São Gonçalo, Maricá, Baía de Guanabara e Oceano Atlântico  

Acesso Rodoviário:

Ponte Presidente Costa e Silva (Rio - Niterói)
Rodovia Amaral Peixoto
BR 101  

Distâncias:

Da Capital:

13 Km 

Outras: 

 

hspace=0 TURISMO:

Resumo:


Principais Pontos Turísticos:

Praia Grande

Uma praia desconhecida, por este nome, pela maioria dos moradores. Hoje só se apresenta uma pequena faixa de areia em frente a Mesbla (centro). Foi por causa da praia que o primeiro nome da cidade foi Vila Real da Praia Grande.

Praia de Gragoatá

Pequena praia junto ao Forte do mesmo nome; com águas tranquilas, esverdeadas e frias; sua areia é escura e fina.

Praia Vermelha

Entre o Forte de Gragoatá e a Ilha da Boa Viagem; ondas mansas, lugar de pesca de arremesso; linda vista do Rio de Janeiro. A praia não tem mais areia por causa do aterramento da Av. Litorânea.

Praia da Boa Viagem

Linda praia, limitada em toda sua extensão por elevações, com sua ilha, capela e forte; possui águas esverdeadas e frias, com areia clara e fina. Local propício à pesca submarina apesar da poluição da Baía de Guanabara. Da praia avista-se, à direita, a passarela de cimento que dá acesso a ilha que tem a capela de Nossa Senhora da Boa Viagem, a mais pitoresca de Niterói

Praia das Flexas

Pequena, mas de grande beleza, está localizada entre as praias de Boa Viagem e Icaraí. Dela pode-se ver as duas pedras históricas: Pedra do índio (semelhante à cabeça de um índio com cocar), e a Pedra de Itapuca, símbolo da cidade, que inspira poetas e pintores.

Praia de Icaraí

A mais conhecida da cidade, mantém espaços para diversos esportes e um calçadão que permite jogos e passeios, a pé ou de bicicleta. Também é palco dos maiores eventos realizados na cidade. é margeada por prédios residenciais, clubes, bares e restaurantes.
Dela avista-se a Pedra do índio, a Pedra de Itapuca e parte da cidade do Rio de Janeiro, destacando-se o Corcovado e o Pão de Açucar.

Praia de São Francisco

Possui águas calmas e frias, com areia clara e fina. Localiza-se numa área residencial e conta com um calçadão em toda a sua orla, que é muito usado para passeios e a pática do cooper. É margeada por bares e restaurantes. No alto de um morro encontra-se a Igreja de São Francisco Xavier

Praia de Charitas

Situada após a praia de São Francisco, com mar calmo, areias claras e finas e muito frequentada pelos aficcionados em esportes aquáticos, serve também como local de pouso natural dos praticantes vôo livre. Toda faixa litorânea é ocupada por residências, restaurantes e casas noturnas. Destacam-se, também, os quiosques a beira-mar

Praias do Preventório e Samanguaiá 

Duas praias ligadas, de águas calmas, surgidas com a urbanização do bairro de Jurujuba. Em frente à Ilha dos Amores. 

Praia de Jurujuba

Distante, aproximadamente, 12 km do Centro da cidade, o local identifica-se como uma colônia de pescadores e seu aspecto é bastante rústico. São encontrados vários restaurantes típicos de frutos do mar.

Praia de Adão e Eva

Duas praias gêmeas que, pelos seus nomes e por suas belezas, lembram o paraíso. Estão situadas perto de Jurujuba e por uma estrada sinuosa pode-se chegar ao famoso Forte de Santa Cruz e, também, às duas praias, que possuem areias claras e águas não muito calmas.

Praia de Fora e Praia do Forte Imbuí

São duas pequenas praias oceânicas localizadas na saída da Baía de Guanabara, o acesso só é permitido com autorização do Exercito pois se encontra dentro dos Fortes Barão do Rio Branco e Imbuí.

Praia de Piratininga

Primeira das grandes praias oceânicas para quem vem do Centro de Niterói pela Estrada Francisco da Cruz Nunes. Piratininga é dividida em duas praias: o trecho maior, chamado de Praião, tem ondas fortes, areia e águas claras e possui em toda a orla bares e trailers especializados em frutos do mar e petiscos; contrastando com ela, a Prainha, na extremidade norte, por se apresentar bastante calma, é o refúgio de centenas de niteroienses e cariocas nos fins-de-semana. Entre a praia e uma rasa lagoa, este belo recanto da cidade vai se transformando aos poucos num sofisticado bairro residencial.

Praia do Sossego

A menos conhecida, pois não possui acesso direto. Localizada entre Camboinhas e as pedras de Piratininga, é bastante frequentada pelos que vêm do mar em lanchas e iates.

Praia de Camboinhas

Suas águas são transparentes, esverdeadas e frias, com areia clara. Recanto pitoresco, é muito procurada pelos praticantes de esportes aquáticos, principalmente Windsurfe, e pelos amantes da pesca de arremesso.

Praia de Itaipu

Localizada no final da Estrada Francisco da Cruz Nunes, Itaipu é a única praia oceânica de Niterói que apresenta águas calmas. é uma das áreas mais antigas de Niterói, com sua colônia de pescadores e uma Igreja do Século XVIII contrasta este cenário com as modernas casas de veraneio. Seu nome, na língua Tupi, significa água que sai do meio das pedras.

Praia de Itacoatiara

É a praia oceânica mais longe do centro da cidade. Suas águas são transparentes, azuladas e frias em meio a uma vegetação exuberante. Seu nome deriva de Itacuatiara, pedra desenhada ou que tem inscrição.
Itacoatiara é o paraíso dos surfistas fluminenses, pois é local onde, frequentemente, são realizados campeonatos estaduais, nacionais e mundias de surf e bodyboard apesar de ter uma prainha ao lado com águas calmas. Embora pequena, é uma das praias mais frequentadas da cidade e das que oferece maior riqueza de paisagem.

Ilhas

Niterói não tem muitas ilhas mas podemos destacar as ilhas entre as Praias de Itacoatiara e Itaipu onde temos 3 ilhas, a Ilha Pai, Mãe e a Filha. Já entre a prainha e o praião de Piratininga temos a Ilha do Veado, na Baía temos algumas ilhas, a Ilha da Boa Viagem, a Ilha dos Amores, a Ilha da Conceição e a Ilha Mocangue onde se localiza uma das maiores bases navais da Marinha Brasileira. 

Fortaleza de Santa Cruz

Endereço: Estrada de Jurujuba, s/n - Jurujuba. Horário: Visitas de seg. à seg. de 9h às 17h

Forte do Gragoatá

Endereço: Avenida Litorânea s/n - Gragoatá

Forte do Imbuí e Forte Barão do Rio Branco

Endereço: Alameda Marechal Pessoa Leal, 265 - Jurujuba. Horário: visitas aos sáb. dom. e feriados das 9h às 17h

Forte São Luiz e Forte do Pico

Endereço: Alameda Marechal Pessoa Leal, 265 - Jurujuba. Horário: visitas aos sáb. dom. e feriados das 9h às 17h

Praça da República

Foi erguida para lembrar o fato histórico e os homes que por ela lutaram, sendo que nos anos setenta foi totalmente destruída e no seu lugar ficando o esqueleto de um prédio que permaneceu inacabado até o final da década de 80, quando foi implodido pelo governo estadual. Ela foi reconstruída com a preocupação de se respeitar as suas características originais. É ao redor da Praça da República que está um dos mais importantes conjuntos arquitetônicos da Cidade constituído pelos prédios do Liceu Nilo Peçanha, da Câmara dos Vereadores, da Polícia Civil, do Palácio da Justiça e da Biblioteca Plública Estadual. O conjunto é testemunho vivo da arquitetura do começo do século XX e as edificações são tombadas pelo Patrimônio Histórico.

Câmara Municipal de Niterói

Antigamente o Regente da Provín;cia arrendava casas para serem feitas reuniões com os vereadores que, na maioria das vezes, era a casa do Deputado Federal Quintino Bocaiúva. Foi construída então, em 1824, uma Câmara Municipal que agora é a atual da Secretaria de Educação. Depois, no século XIX, foi inaugurada uma nova Câmara, a qual abriga hoje os vereadores de nossa cidade e que teve como primeiro presidente José Clemente Pereira. A Câmara possui uma sala de exposição contando a sua história ao longo do tempo, como a primeira ata e os primeiros materiais de construção da Câmara. Av. Amaral Peixoto, s/nº - Praça da República - Centro - Tel.: 2717-4343

Biblioteca Pública Estadual

Localizada na Praça da República, no Centro de Niterói, foi inaugurada em 16 de março de 1935 e possui um total de 75 mil exemplares, inclusive livros dos séculos XVII e XVIII. Rua Dr. Celestino - Praça da República - Centro

Fórum (Palácio da Justiça)

O Palácio da Justiça foi construído no governo de Feliciano Sodré e até hoje encontra-se em perfeito estado de conservação. Rua Visconde de Sepetiba, s/nº - Praça da República - Centro

Palácio Araribóia (Prefeitura Velha)

Localizado no centro da quadra, está rodeado por um jardim bem arborizado e bem cuidado. Prédio de dois pavimentos, de arquitetura eclética com inspiração neoclássica. O edíficio foi inaugurado em 14 de maio de 1910, através do Prefeito João Pereira Ferraz, pois este achava que a velha Câmara, que agora é a atual Secretaria de Educação, não atendia aos novos serviços municipais. Desde então, a prefeitura sofreu reformas, até que em 1986 foi inaugurado o novo Centro Administrativo de Niterói (na rua Visconte de Sepetiba), permanecendo no local apenas a Secretaria Municipal de Finanças e Desenvolvimento Econômico e a Secretaria Municipal de Esporte e Lazer. O Palácio possui um vitral de art noveau no salão nobre e um quadro de Antônio Parreiras retratando Araribóia. Rua da Conceição, 100 - Centro - Tel.: 2719-6336

Prédio da Agência dos Correios

Inaugurado em 14 de novembro de 1914, o Palácio dos Correios e Telégrafos, em estilo art noveau, impressiona pelo seu tamanho, número de janelas e riqueza de detalhes. Compõe-se o edíficio de três pavimentos, possuindo dois torreões que ostentam cúpulas metálicas. Merece destaque a escada em caracol que liga os três pavimentos. Rua Visconde do Rio Branco, 481 - Centro - Tel.: 2717-0009

Reitoria da UFF

O prédio hoje ocupado pela Reitoria da Universidade Federal Fluminense, foi originalmente o Hotel Balneário Cassino Icarahy. Foi demolido, dando lugar às novas instalações do Cassino, em 1939. Funcionou até 1946, data da proibição do jogo no Brasil, mantendo apenas as atividades de Hotel e Restaurante. Em 1967, instalou-se no prédio a Reitoria da UFF, procedendo desde então algumas reformas, inclusive construindo anexos como cinema e teatro. Rua Miguel de Frias, 9 - Icaraí - Tel.: 2620-8080

Solar do Jambeiro

Situado em São Domingos, de arquitetura urbana e tradição portuguesa, foi construído por Bento Joaquim Alves Pereira, em 1872. Tendo como o seu primeiro morador o médico Júlio Magalhães Calvet, mais tarde serviu por algum tempo de moradia ao pintor Antônio Parreiras que, em 1887, ali expôs sua obra com as idéias e sentimentos da época. Seu acervo compõe-se de peças do mobiliário com mais de um século de existência, e outras, tais como: quadros, biblioteca com livros raros, louças e panelas, como também podem ser encontrados outros trabalhos de arte, como tetos, sancas que representam as quatro estações do ano, objetos de barro e um tanque de granito com torneira de bronze. Rua Presidente Domiciano, 195 - São Domingos - Tel.: 2722-4550

Casa de Oliveira Viana

A casa onde viveu o sociólogo fluminense, é uma construção datada de 1911. Criada como Fundação Oliveira Viana, em 1955, funcionou durante 20 anos até que, em 09 de abril de 1975, recebeu o nome de Casa Oliveira Viana, passando a pertencer a FUNARJ como biblioteca/museu, aberta ao público. Possui uma biblioteca riquíssima, com cerca de 15 mil exemplares entre livros e documentos, destacando-se uma Brasiliana. Alameda São Boaventura, 9 - Fonseca - Fone: 2722-5493 Funcionamento de segunda a sexta-feira, das 10 às 17h.

Casarão

Originou-se no século XVIII, na Fazenda Jurujuba. De construção simples, com pilares de pedra e cal, localiza-se na praia de Charitas. Atualmente funciona no local o Bartho, uma casa noturna de música ao vivo. Av. Quintino Bocaiúva, 679 - Charitas - Tel.: 2710-8249  

Parque da Cidade

Reserva biológica e florestal do Município, localizado no alto do Morro da Viração, numa altitude de 270 metros, ocupando uma área de cerca de 15 hectares, foi inaugurado em 21 de setembro de 1976. No local existe uma fonte natural e algumas ruínas de um posto de Atalaia português dos anos 1500/1600. A mata do parque é formada predominantemente de eucaliptos e alguns exemplares remanescentes da Mata Atlântica. Possui um mirante e dele pode-se ter uma visão panorâmica das lagoas de Piratininga e Itaipu; das praias de Piratininga, Itaipu e Camboinhas; dos bairros de São Francisco, Jurujuba, Charitas e Icaraí, entre outros; da Baía de Guanabara em toda a sua extensão e do mar aberto, até onde a vista consegue alcançar. Avista-se, também, a cidade do Rio de Janeiro com alguns de seus bairros e a Ponte Rio-Niterói. O Parque da Cidade foi descoberto pelos praticantes de vôo livre e atualmente possui duas rampas para a prática deste esporte. Acesso pelo Bairro de São Francisco, a partir da Igreja de São Francisco Xavier, passando pelo Clube Hípico Fluminense e entrando na Estrada Nossa Senhora de Lourdes

Campo de São Bento

A mais antiga área verde programada de Niterói, é parte da sesmaria doada a Araribóia em 1568. Recebeu esse nome de seus antigos proprietários beneditinos. Começou a ser construído por volta de 1880, tendo sua urbanização efetivado-se em 1908, quando o Prefeito João Pereira Ferraz, em contrato com o arquiteto belga Arsênio Puttmans, deu ao campo sua feição atual, com coretos, canteiros e pontes. É a maior área verde de Icaraí, com cerca de 50.000 metros quadrados e abriga centenas de espécies de plantas, entre as quais se destacam o pau-brasil, o pau-ferro e a palmeira imperial, além da raríssima kalabura, originária das Antilhas. Possui, ainda, um chafariz, um pequeno lago artificial, playground, pista de patinação, pequeno parque de diversões, quiosque para o Clube da Terceira Idade, Biblioteca Infantil e o Centro Cultural Paschoal Carlos Magno. Acesso pela Av. Roberto Silveira, pela Lopes Trovão, pela Gavião Peixoto e pela Domingues de Sá - Icaraí.

Parque Palmir Silva (antigo Parque Monteiro Lobato)

Situado no Barreto, e com 34 mil metros quadrados de área, o então horto municipal, criado na década de 50, foi transformado em parque em 1978. Entre as espécies da flora existentes no parque há madeiras nobres como o pau-brasil, o mogno e a nogueira, além de diversos tipos de palmeiras e até mesmo uma corticeira centenária. Hoje também funciona ali um horto de produção de mudas para reflorestamento e arborização da cidade.
Endereço: Rua Dr. Luiz Palmier Silva s/n, Barreto.

Horto do Fonseca

Foi criado, por decreto do governador Nilo Peçanha, em maio de 1906, com a finalidade de cultivar e distribuir aos lavradores sementes e mudas de frutíferas e plantas medicinais. Sua história é marcada por sucessivas fases de prestígio e declínio e sofreu duas grandes reformas, em 1950 e 1975. Entre as espécies ali existentes há jatobás, jequitibás, jacarandás e sapucaias. Funciona no local, também, um mini-zôo de Niterói.

Serra da Tiririca

Começa entre as Praias de Itacoatiara e Itaipuaçu (Município de Maricá), estendendo-se entre Niterói e Maricá até a Rodovia Amaral Peixoto (RJ 106) na divisa com São Gonçalo. Apresenta, nos trechos mais elevados, porções significativas de matas em bom estado de conservação. A serra é basicamente revestida por mata secundária em vários estágios de regeneração e sua flora é composta em sua maioria por espécies nativas da Mata Atlântica. Merece registro a presença de massarandubas, palmitos, figueiras-da-terra, monjolos, aroeiras e paineiras. É um execelente local para caminhadas ecológicas, que são organizadas por diversas Organizações Não Governamentais, todos os finais de semana. O Parque Estadual da Serra da Tiririca é administrado pelo IEF (Instituto Estadual de Florestas). E é no parque que encontramos o ponto mais alto da cidade (412m).

Florália

É o maior orquidário da América Latina. Estrada da Figueira, 592 - Caramujo. Tel.: 2620-0800

Centro Cultural Paschoal Calros Magno

Endereço: Av. Roberto Silveira com Rua Lopes Trovão - Campo de São Bento - Icaraí. Telefone: 2610-5748

Nª Srª Auxiliadora (Basílica)

Foi construída entre 1902 e 1918, em estilo mossarábico, destacando-se pela volumetria na fachada principal. No seu interior a nave central apresenta várias colunas coríntias e oito altares de cada lado encimados por dupla de vitrais e rosácea. Na Basílica encontra-se o maior órgão de tubos da América Latina que tem 50 anos de idade e ainda está em funcionamento. O órgão tem 5 computadores trabalhando (sincronizadamente) e mais de onze mil tubos, tem origem Italiana, fabricado pela Tamburini (REMA) e reformado (informatizado) pela Mascioni (Lago Magiori). Endereço: R. Sta. Rosa, 207 - Sta. Rosa CEP: 24240-225 Telefone: (0**21) 2611-9858

Igreja de Nossa Senhora da Boa Viagem

Erguida em meados do século XVII. De estilo colonial, é construída em granito, visualizando-se em seu interior a simplicidade. O altar principal guarda a imagem de Nossa Senhora da Boa Viagem. Foi reconstruída diversas vezes perdendo um pouco de sua característica inicial, tendo sido quase totalmente destruída por um incêndio criminoso. Endereço: Ilha da Boa Viagem - Boa Viagem

Igreja de Nossa Senhora da Conceição

Data de meados do século XVII (1663), situada na rua de mesmo nome, devida a Antônio Correia de Pina. Endereço: Rua da Conceição, 216 - Centro - Telefone: (0xx21) 2718-3085

Igreja de São Francisco Xavier

Construída no alto de uma colina, entre as praias de São Francisco e Charitas, é uma notável relíquia do Brasil-colônia. Consta ter sido fundada pelo padre José de Anchieta em 1572, embora historiadores reportem sua origem ao ano de 1696. Seu aspecto lembra a maioria de nossas capelas coloniais: paredes grossas, portas pesadas de reduzidas dimensões, bem como as janelas, denunciando um estilo barroco. No interior encontra-se: no altar-mor a imagem de São Francisco Xavier, belo trabalho de madeira, laminada em ouro; a pia batismal feita pelos índios; um armário embutido na sacristia datado de 1696; um relógio de sol voltado para o nascente, com o emblema dos jesuítas; um cruzeiro de madeira e um sino são peças do mesmo período. No sopé da colina, ainda hoje se pode ver um peão de terras de 1727, com inscrições e insígnias dos jesuítas. Endereço: Av. Quintino Bocaiúva, s/n - São Francisco
CEP: 24360-021 - Telefone: (0**21) 2711-1670 - Fax: 2610-4970

Igreja de São João Batista

Originada em 1660 como a capela São João Batista de Icaraí, que se tranferiu para o Centro e se tranformou em Catedral. Esta começou a ser construída em 1842 e concluiu-se em 1854, quando foi inaugurada por D. Pedro II, passando a Catedral em 1908. Endereço: Praça São João - Centro

Igreja de São Lourenço dos Índios

Datando de 1627, é considerada como monumento da fundação da cidade de Niterói. Igreja bem representativa da arquitetura jesuítica. Possui no altar-mor um retábulo que é considerado um precioso exemplar da arte barroca do fim do século XVI, assim como outras peças históricas. Endereço: Praça General Rondon, s/nº - Morro de São Lourenço - Telefone: (0xx21) 2718-4941

Igreja de São Sebastião de Itaipu

A Igreja de São Sebastião de Itaipu é um importante exemplar arquitetônico com notável implantação no terreno, onde, do alto de um promontório se descortina uma ampla visão da Praia de Itaipu. Sua história remonta a meados do séc. XVII, quando a freguesia de São Sebastião de Itaipu possuía quatro engenhos e seus habitantes eram lavradores de farinha, de açúcar e pescadores. Percorrendo a imensa região pela qual eram responsáveis, os padres Antônio Loureiro, Manuel de Araújo e José de Castro criaram várias freguesias e trataram de incentivar a construção de capelas, inclusive a de São Sebastião. Endereço: Estrada Francisco da Cruz Nunes, 8429 - Itaipu - Telefone: 2709-4056 ou 2709-5046

Igreja São João Batista

Originada em 1660 como a capela São João Batista de Icaraí, que se tranferiu para o Centro e se tranformou em Catedral. Esta começou a ser construída em 1842 e concluiu-se em 1854, quando foi inaugurada por D. Pedro II, passando a Catedral em 1908. Endereço: R. Dr. March, 666 - Tenente Jardim - CEP: 24110-650 - Telefone: (0**21) 2720-2360

Igreja São Judas Tadeu

De concepção moderna, sua arquitetura destaca-se na paisagem por não ser convencional. Seu teto em formato de uma estrela possui excelente acústica. Localiza-se na área nobre de Icaraí. Endereço: R. Almirante Ari Parreiras, s/n - Icaraí - CEP: 24230-321 Telefone: (0**21) 2610-1232 e 2710-8614 (Res.) 

hspace=0 EVENTOS:

Calendário de Janeiro a Dezembro:

Carnaval
Data: Fevereiro

Festa de São jorge
Data 23 de Abril

Festa de São Pedro de Jurujuba
Data: 28 a 30 de Junho

Festa de São João
Data: 22 a 24 de Junho

Festa de São Pedro de Itaipu
Data: 5 a 7 de Julho

Desfile do Dia da Independência
Data: 7 de Setembro

Festa de São Judas Tadeu
Data: 27 e 28 de Outubro

Festa de Aniversário da Cidade
Data 22 de Novembro

Festa de Nossa Senhora da Conceição
Data: 8 de Dezembro

Reveillon
Data 31 de Dezembro 

hspace=0 INFORMAÇÕES ÚTEIS:

PREFEITURA MUNICIPAL DE NITERÓI

E-mail: prefeitura@niteroi.rj.gov.br

Telefones: (21) 2620-0403

Sites: http://www.niteroi.rj.gov.br/

SUB-PREFEITURA:

E-mail:

Telefone:

INFORMAÇÕES AO TURISTA:

Terminal Rodoviário Roberto Silveira

Telefone: (21) 2620-8847

ENDEREÇO DO SITE OU PORTAL DA LOCALIDADE:

E-mail:

Telefone:

CARTÓRIOS: CIVIL, IMÓVEIS, TÍTULOS E DOCUMENTOS, OUTROS:

1º TABELIONATO DE NOTAS E OFÍCIO DE REGISTOS PÚBLICOS:

E-mail: niteroicartorio@hotmail.com

Telefones: (21) 2719-0374

Sites: http://portal.mj.gov.br/

CARTÓRIO ELEITORAL:

E-mail:

Telefone:

OUTRAS INFORMAÇÕES DE TELEFONES E E-MAILS:

HOSPITAIS: (21) 2620-2828

CORREIOS: (21) 2503-8617  

CORPO DE BOMBEIROS: 193

DELEGACIA DE POLÍCIA:

OUTROS:

E-mails e telefones:

Sites: http://www.niteroi.com.br/

www.nitvista.com

http://pt.wikipedia.org

PESSOAS ILUSTRES NASCIDAS NA LOCALIDADE:

 

OUTRAS INFORMAÇÕES ÚTEIS DA LOCALIDADE: 

 


Conheça nossas opçőes de hotéis em Niterói e pousadas em Niterói para visitar Niterói.

Promova a cidade de Niterói no Férias. Envie-nos mais informações para alavancar sua cidade nesse novo contexto do turismo nacional!
Clique aqui.

 

 





 

HOME   |   CADASTRE-SE NO PORTAL   |   ÁREA PARA PARCEIROS   |   CONTATO

© Copyright 2014 - ferias.tur.br - Seu Portal de Turismo!