Escolha uma cidade
HOME   |   CADASTRE-SE NO PORTAL   |   ÁREA PARA PARCEIROS   



Conhece Iacri?
seta piscando Deixe seu comentário!
Envie suas fotos!

Iacri

INFORMAÇÕES | FOTOS |VíDEOS | HOSPEDAGEM | RESTAURANTES | AGÊNCIA DE TURISMO | IMOBILIÁRIAS | LOCADORA DE VEÍCULOS | GUIAS DE TURISMO | OUTROS




Roteiros do Brasil

Região Entre Rios

hspace=0 HISTÓRIA DA CIDADE

Instalado a 1° de janeiro de 1960; portanto são 46 anos de autonomia político – administrativa. Sempre que nos referimos aos pioneiros de Iacri, devemos considerar que ao lado de um pioneirismo valoroso foi desbravamento da terra e com a implantação de culturas agrícolas e atividades pastoris, o que caracterizou nossos primeiros habitantes e perdura até os dias atuais, foi e continua sendo a fé inquebrantável em Deus, que deu ânimo a uma plêiade de valorosos homens, muitos de outras nacionalidades, que no seio acolhedor e generoso de nossas terras, através de um labor persistente, plantaram o futuro de nosso município, formando suas famílias no exemplo do trabalho árduo e abençoado do trato da terra. Nada foi capaz, nem o desconforto, nem a falta de estradas, nem a falta de maiores recursos financeiros, de obter o pioneirismo iacriense já acostumado ao trabalho em outras plagas, na caminhada para o desenvolvimento e na formação de suas famílias, hoje espalhadas por todo o Brasil, embora uma pequena parcela resida em nossa cidade e até na zona rural. No dia 21 de junho de 1933, dia de São Luiz Gonzaga, padroeiro da cidade, estava ocorrendo a fundação do povoado de Iacri, através de seu fundador Sylvio de Giulli, nascido em Rovigo, na Itália, em 06 de janeiro de 1880 e que veio a falecer em 23 de fevereiro de 1946, em Iacri. O município tem sua história ligada a abertura da estrada de ferro da Companhia Paulista, em 1935. Na época, o vizinho município de Bastos era uma fazenda de 12.000 alqueires, denominada FAZENDA Bastos, foco da produção algodoeiro, por motivo da imigração japonesa, que utilizava a estrada de ferro para o transporte da produção. Nas primeiras décadas do século XX, uma firma imobiliária denominada Lélio Piza & Irmãos, era proprietária de terras à margem esquerda do Rio Aguapeí tendo essa grande extensão territorial recebendo o nome de Fazenda Guataporanga. Sylvio de Giulli, entusiasmado, pelo crescente progresso por  que passava o vizinho município de Tupã (na época com 4 anos) fundou, em plena selva, uma cidade à qual deu o nome de Juliânia. Planificada pelo engenheiro Caruzzo, de Bririgui, e aberta pelo agrimensor Sebastião de Brito, foram chegando as primeiras famílias desbravadoras. Comprovando isto, desde 1948 alcançava índices mínimos para tornar-se município. Porém, através de uma bem orientada campanha pró-município, e com a apresentação junto à Assembléia Legislativa do Estado de um memorial reinvidicatório farto de dados e provas inquestionáveis, onde o Distrito de Iacri, entre outros quesitos, despontava com uma população superior a 251 municípios já criados, inclusive 17 Comarcas e, em atendimento ao desejo do povo, manifestando-se no memorável Plebiscito de 26 de dezembro de 1958, tornou-se município pela Lei Estadual n° 5.285, de 18 de fevereiro de 1959, sendo solenemente instalado em 01 de janeiro de 1960. Sylvio de Giull trocou o nome do povoado, denominando-o Jacri, em homenagem ao Cacique de Aborígenes locais, assim supostamente chamado. Pelo progresso que apresentava e pela Lei 2.284, de 12 de janeiro de 1937, Iacri era elevado à categoria de Distrito de Paz, sob a jurisdição do município e comarca de Birigui. Constatando-se logo depois que o verdadeiro nome do morubixada era Iacri e não Jacri, pelo Decreto 9.775 de novembro de 1939, o então Distrito passou a denominar-se Iacri e a pertencer ao Município de Tupã, Comarca de Pompéia. Com a criação do Comarca de Tupã, em 1944, o Distrito de Iacri, já pertencente a Tupã, ficou também sob jurisdição da nova Comarca.   

Significado do Nome

(Do caingangue, jakri) Iacri deriva do loteamento da fazenda Goataporanga, empreendido pela companhia imobiliária Lélio Piza & Irmãos, proprietária de terras à margem esquerda do rio Aguapeí, no começo do século XX. Quem adquiriu a gleba foi Silvio de Giulli e, em 1933, atraído pelo algodão que se produzia, com grande sucesso, ao longo de toda a Estrada de Ferro Paulista, decidiu ele se instalar, definitivamente em, sua fazenda, o que redundou no desenvolvimento de um povoado. Como informa a prefeitura, o primeiro nome do lugarejo, (então pertencente ao município de Birigui) foi Juliana, uma referência ao sobrenome do dono das terras (Giulli); mas Juliana foi logo preterido por Jacri (antiga grafia de Iacri), que, por sugestão do próprio Giulli, homenagearia um conhecido cacique caingangue da região já falecido. Consagrada, contudo, a homenagem, restaria o insólito: jakri significa muito a ver com qualquer outra realidade, além de ser o chão em que viveu o citado cacique. Ao se emancipar, Iacri pertencia ao município de Tupã.  

Aniversário da Cidade:

21 de Junho 

Gentílico:

iacriense

População:

6.419 habitantes 

hspace=0 CARACTERÍSTICAS:


Clima:

Tropical  

Temperatura Média:

21º c 

hspace=0 COMO CHEGAR:


Localização:

Marília  

Limites:

Bastos, Santópolis do Aguapeí, Tupã, Arco-Íris, Parapuã e Rinópolis  

Acesso Rodoviário:

SP-294 (Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros) / SP-300 (Rodovia Marechal Rondon) / SP-209 (Rodovia Professor João Hipólito Martins) / SP-280 (Rodovia Presidente Castello Branco) 

Distâncias:

Da Capital:

550 km 

Outras:

 

 

hspace=0 TURISMO:

Resumo:


Principais Pontos Turísticos:

 

hspace=0 EVENTOS:

Calendário de Janeiro a Dezembro:


 

hspace=0 Informações Úteis:

PREFEITURA MUNICIPAL IACRI

E-mail: pmiacri@cabonnet.com.br

Telefones: (14) 3489-1250 - RAMAL 211

Sites: http://www.iacri.sp.gov.br/

SUB-PREFEITURA:

E-mail:

Telefone:

INFORMAÇÕES AO TURISTAS:

EMPRESAS DE ÔNIBUS DA REGIÃO:

Expresso de Prata Ltda.

Av. Antonio Tiveron, 333 - Boxes 16 e 17, Term. Rodoviário
ARAÇATUBA-SP 
Telefone: (18) 3521-1660 
Horário: Das 06:00 às 12:00. Das 12:30 às 19:00 e das 19:30 às 21:40

E-mail: pratatrans@travelnet.com.br

Site: http://www.expressodeprata.com.br

ENDEREÇO DO SITE OU PORTAL DA LOCALIDADE:

E-mail:

Telefone:


CARTÓRIOS: CIVIL, IMÓVEIS, TÍTULOS E DOCUMENTOS, OUTROS:

OFÍCIO DE REGISTRO CIVIL E TABELIONATO DE NOTAS:
 
Rua Bandeirantes, 1.040 - Bairro: Centro    
Iacri-Sp - CEP: 17680-000
 
E-mail: marciasuizu@uol.com.br
 
Telefone: (14) 3489-1185 
 
Obs: Guarda o acervo do extinto Cartorio do Distrito de Anapolis.

Horários: De 2ª a 6ª feira, das 9h às 19h.
 
Atribuições: Nascimentos, Casamentos, Óbitos, Notas

CARTÓRIO ELEITORAL:

E-mail:

Telefone:

OUTRAS INFORMAÇÕES DE TELEFONES E E-MAILS:

HOSPITAIS:

CORPO DE BOMBEIROS: 193

DELEGACIA DE POLÍCIA:

OUTROS:

E-mails e telefones:

Sites: http://pt.wikipedia.org

http://www.cnm.org.br

PESSOAS ILUSTRES NASCIDAS NA LOCALIDADE:

 

OUTRAS INFORMAÇÕES ÚTEIS DA LOCALIDADE:


 


Conheça nossas opções de hotéis em Iacri e pousadas em Iacri para visitar Iacri.

Promova a cidade de Iacri no Férias. Envie-nos mais informações para alavancar sua cidade nesse novo contexto do turismo nacional!
Clique aqui.

 

 





 

HOME   |   CADASTRE-SE NO PORTAL   |   ÁREA PARA PARCEIROS   |   CONTATO

© Copyright 2014 - ferias.tur.br - Seu Portal de Turismo!