Escolha uma cidade
HOME   |   CADASTRE-SE NO PORTAL   |   ÁREA PARA PARCEIROS   



Conhece Quipapá?
seta piscando Deixe seu comentário!
Envie suas fotos!

Quipapá

INFORMAÇÕES | FOTOS |VíDEOS | HOSPEDAGEM | RESTAURANTES | AGÊNCIA DE TURISMO | IMOBILIÁRIAS | LOCADORA DE VEÍCULOS | GUIAS DE TURISMO | OUTROS




Roteiros do Brasil

Região Mata Sul

 

hspace=0 HISTÓRIA DA CIDADE

O território do município de Quipapá integrava extensa área ocupada pelo Quilombos dos Palmares, um dos mais importantes redutos da resistência negra frente ao regime escravista. O nome da cidade foi dado pelo negro Zumbi. Numa das fugas dos seus perseguidores brancos, Zumbi parou para descansar no cume de uma serra onde predominava a vegetação rasteira e espinhosa, denominada quipá. O líder negro batizou o local de quipá-quipá, transformando o lugar em seu novo refúgio. O nome da cidade é então uma corruptela da denominação original. Quipapá somente começou a se povoar regularmente depois de 1820, quando ali foi erguida uma capelinha de taipa sob a invocação de Nossa Senhora da Conceição.Em 19 de maio de 1900, Quipapá emancipou-se do município de Panelas. Administrativamente, o município é formado pelos distritos sede e Pau Ferro e pelos povoados de Usina Água Branca e Cruzeiro. Anualmente, no dia 19 de maio Quipapá comemora a sua emancipação política. A padroeira da cidade é Nossa Senhora da Conceição.  

Significado do Nome

 

 

Aniversário da Cidade

 

19 de Maio  

 

 

hspace=0 CARACTERÍSTICAS

Clima 

 

Temperatura Média

 

 

 

hspace=0 COMO CHEGAR

Localização

Mesorregião da Mata Pernambucana

Limites

Ao norte com Panelas, ao sul com o estado de Alagoas, a leste com São Benedito do Sul e a oeste com Canhotinho e Jurema.

Acesso Rodoviário

BR-104, PE-126 e BR-101 (via Palmares). 

Distâncias

188 km da Capital

hspace=0 TURISMO

Principais Pontos Turísticos

A história de Quipapá é marcada pela resistência negra ao regime escravista do período colonial. O território hoje pertencente a cidade foi parte integrante do Quilombo dos Palmares, maior reduto negro do país.

 

Localizado em território atualmente pertencente ao Estado de Alagoas, desde sua fundação até sua destruição, o quilombo chegou a opor resistência ao branco durante um período de cerca de cem anos.

 

O potencial guerreiro do Quilombo assustava o colonizador. Os holandeses fixados em regiões do território nordestino foram os primeiros a atacarem os quilombolas, em Palmares. Mas, mesmo bem armados, os holandeses foram derrotados.

 

Houve tentativas de acordo entre o governador da capitania de Pernambuco e o rei de Palmares, Ganga-Zumba. O governador exigia a pacificação através da baixa de defesas do quilombo.

 

Após várias tentativas de aniquilamento do quilombo, o governo acaba recorrendo ao experiente sertanista das bandeiras, Domingos Jorge Velho, oferecendo-lhe armas, mantimentos e ainda concedendo-lhe o direito a terras e ao dinheiro pelo resgate dos escravos aos senhores. Assim, é empreendida a jornada que resultou na Guerra de Palmares. A guerra estendeu-se de 1690 a 1695, quando Palmares foi destruído.

 

Com tanta história para contar, o turismo é uma das mais importantes fontes de divisa de Quipapá. Beleza natural, gastronomia típica, eventos, como o Festival da Canção Brasileira, compõem o repertório turístico do município.

 

A beleza natural é composta pelos banhos do Limão, do Choque e de Lage Bonita. O Engenho de Rapadura Lage Bonita com sua produção artesanal de rapadura, ainda movido à roda dágua, também desperta a curiosidade do turista.

 

O artesanato apresenta bordados e cestarias, usando como matéria-prima o sisal, côco, palha e cipó. Uma singular mistura de cerveja, vinho, suco de limão e açúcar dá sabor ao chá de veado, uma famosa bebida típica de Quipapá.

Estação Ferroviária

 

 E. F. Recife ao São Francisco (1885-1901)
Great Western (1901-1950)
Rede Ferroviária do Nordeste (1950-1975)
RFFSA (1975-1996) 
QUIPAPÁ
Município de Quipapá, PE
Linha Sul - km 197 (1960)   PE-3090
Inauguração: 15.01.1885
Uso atual: n/d   com trilhos
Data de construção do prédio atual: n/d 
 
HISTÓRICO DA LINHA: A linha Sul, ou Recife-Maceió, é uma junção de três ferrovias: a E. F. Recife ao São Francisco, aberta entre 1858 e 1862 (foi a segunda ferrovia a ser aberta no Brasil), a E. F. Sul de Pernambuco, entre 1882 e 1894 e a E. F. Central de Alagoas, aberta em trechos entre 1871 e 1884, arrendada em 1880 à The Alagoas Railway Co. A primeira ligou Recife a Una (hoje Palmares), a segunda Una a Imperatriz (hoje União dos Palmares) e a terceira, Imperatriz a Maceió. Em 1901, a Great Western do Brasil Railway Co., empresa inglesa, ganhou a concessão das duas primeiras e, em 1903, a da última, unindo as linhas e diminuindo a bitola da primeira, em 1905, de 1.60 m para métrica. Em 1950, o Governo da União encampou a Great Western, transformando-a na Rede Ferroviária do Nordeste (RFN), que passou a ser um das subsidiárias da RFFSA em 1957 e que foi finalmente incorporada em uma de suas superintendências regionais em 1975. Finalmente, em 1997, foi cedida em concessão para a CFN - Cia. Ferroviária do Nordeste. Os trens de passageiros seguiram até os anos 1980. Somente sobram hoje os trens de subúrbio de Maceió e de Recife, que percorrem as duas pontas da linha.
 
A ESTAÇÃO: A estação de Quipapá foi inaugurada em 1885. Um registro à margem da História. Juarez Távora e José Américo seguiam, por trem, de Recife para Maceió, a fim de resolver problemas surgidos, e, como o tempo era curto, havia ordem para manter a estrada de ferro desobstruída, a fim de que o carro-de-linha pudesse transitar sem paradas. 

 

 FAZENDA LAGE BONITA

VISITE:

http://www.ferias.tur.br/empresa/13108/engenholajebonita/ 

 

 

hspace=0 EVENTOS

 

 

O folclore se destaca com as manifestações de cavalo-marinho, bois de carnaval, embolada (canto que tem como tema o desafio entre dois ou mais emboladores), forró e quadrilha.  


 

hspace=0 Informações Úteis

 

Prefeitura Municipal de Quipapá.

 

hspace=0 quipapa@municipios.pe.gov.br

hspace=0 (81) 3685-1156

hspace=0

hspace=0 

 

 

 

 

hspace=0

hspace=0 

 

hspace=0 

 

Créditos

Informações e fotos

Sites:      www.estacoesferroviarias.com.br

Foto colaboração: Claudio Vitoriano


Conheça nossas opções de hotéis em Quipapá e pousadas em Quipapá para visitar Quipapá.

Promova a cidade de Quipapá no Férias. Envie-nos mais informações para alavancar sua cidade nesse novo contexto do turismo nacional!
Clique aqui.

 

 





 

HOME   |   CADASTRE-SE NO PORTAL   |   ÁREA PARA PARCEIROS   |   CONTATO

© Copyright 2014 - ferias.tur.br - Seu Portal de Turismo!