Escolha uma cidade
HOME   |   CADASTRE-SE NO PORTAL   |   ÁREA PARA PARCEIROS   



Conhece Itabira?
seta piscando Deixe seu comentário!
Envie suas fotos!

Itabira

INFORMAÇÕES | FOTOS |VíDEOS | HOSPEDAGEM | RESTAURANTES | AGÊNCIA DE TURISMO | IMOBILIÁRIAS | LOCADORA DE VEÍCULOS | GUIAS DE TURISMO | OUTROS




Roteiros do Brasil

Região Turística Coração das Gerais

Circuito Turístico do Ouro

hspace=0 HISTÓRIA DA CIDADE

O caminho histórico de Itabira do Mato Dentro teve seu início com a exploração de recursos minerais (ouro) para o comércio internacional.
Logo as atividades industriais têxteis e de artefatos de couro e ferro surgiram, no qual a mão de obra ex-escrava tecia fios de algodão, forjava o ferro e consumia sua própria produção.
Porém quando sua economia voltou ao mercado externo, com a exploração do minério de ferro, apesar das vantagens que adquiria, também sofria inconveniências que toda economia dependente sofre, descaracterizando, inclusive a fisionomia urbana, sua organização econômica - social e sua própria identidade cultural, contudo, a comunidade está passando por um processo de recuperação atualmente.
Itabira passou por um processo de povoação turbulento pois, a princípio, sua extração aurífera, além de aluvial, era bem escassa e não estimulou um interesse maior dos mineradores porque eles não possuíam ainda condições apropriadas de exploração nas serras em meados de 1720.
No fim do séc. XVIII, mineradoras se organizavam em companhias para viabilizar a exploração, marcando então uma nova fase para Itabira no seu crescimento econômico - social, administrativo, urbano e cultural. Com isso o comércio expandiu para atender a demanda da população que estava dividida em classes sociais privilegiadas, intermediárias ou baixa.
Nesse período foram criadas as famosas irmandades religiosas, que desempenharam um papel significativo para a sociedade local onde cada classe mantinha sua estrutura. No século XIX, enquanto a elite letrada gozava de luxo e tranqüilidade de vida , a grande maioria da população sobrevivia em condições sub-humanas onde graves epidemias se proliferavam entre todas as classes.
A exploração das jazidas de ferro expandia-se pois além de matéria prima da região, foi liberada pela corte que antes proibia seu extração.
Em 1825 tornou-se freguesia, ou seja, onde uma paróquia tem também funções administrativas e construiu-se a matriz. Em 1833, a emancipação administrativa de Itabira do Mato Dentro foi divulgada. Neste período a agricultura era de subsistência.
E nos anos 50, com a decadência da mineração, a agropecuária foi impulsionada para um crescimento econômico. A produção manufatureira também se desenvolveu consideravelmente no município, favorecida pelo baixo custo de produção que as quedas d’água propiciavam as indústrias que se instalavam próxima a elas.
A música e o teatro se destacavam no desenvolvimento da cidade.
No século XIX a cidade sofre transformações para que a construção da Nova Capital (Belo Horizonte)e com a necessidade de utilizar material siderúrgico de uma região próxima, a Companhia do Vale do Rio Doce se implanta na cidade e outras mineradoras estrangeiras se interessam pelo local favorecendo o quadro econômico apesar das dificuldades impostas pelo governo. 

A Estrada Real em Itabira

Ipoema, Senhora do Carmo e as diversas fazendas ao longo da estrada que ligam essas localidades entre si e aos municípios de Itambé do Mato Dentro e Bom Jesus do Amparo foram, no passado, lugares de parada dos tropeiros. As tropas percorriam cerca de três léguas (19,8 km) por dia e paravam para dormir e descansar em alguns pontos da estrada. Certas fazendas cobravam mais, outras menos pelo pouso dos tropeiros.
Essa prática teve início com a interiorização do povoamento nos séculos XVIII e XIX, quando as minas de ouro foram descobertas em Minas Gerais e, conseqüentemente, a região começou a ser ocupada, sendo necessário, assim, abastecer as localidades com alimentos e produtos para os moradores. Dessa forma, as tropas exerciam um importante papel no transporte terrestre de cargas para todas as regiões mineradoras.
Até meados do século passado esse lucrativo negócio movimentou a região. Naquela época, “quando não havia problemas, a viagem – de Rio Claro a Santos, por exemplo – durava cerca de 10 dias, mas, se chovia, era muito provável que as mulas, enlameadas até as orelhas, empacassem no terreno escorregadio da serra, atrasando a entrega e estragando a mercadoria” (RONÁ, Ronaldo Di. Transportes no turismo. Barueri, SP: Manole, 2002. 151p). A organização das tropas para o transporte de mercadorias teve seu fim com o advento dos automóveis e caminhões, por esses serem capazes de transportar maior quantidade de carga com rapidez e segurança.
Em algumas fazendas e residências, como a do Sr. Tomé (de Senhora do Carmo), há vários objetos como trempes, bruacas, estribos e carros de boi que, além de remontarem o período tropeiro, evidenciam o forte vínculo que os moradores locais ainda possuem com a cultura tropeira.

O percurso da Estrada Real em Itabira

De Bom Jesus do Amparo para Ipoema: o trecho possui 12,9 km de extensão, no total, sendo que apenas 2 km é percorrido em estrada de terra. A estrada possui descidas e subidas moderadas em trecho sinuoso. Saindo da Praça Matriz Bom Jesus Amparo segue-se sentido Ipoema. No primeiro quilômetro da estrada passa-se sobre a ponte do Ribeirão do Machado e, após mais três quilômetros de caminhada, encontra-se cafezal à esquerda e um mirante natural com vista para a Cadeia do Espinhaço. Percorre-se mais 8 quilômetros e chega-se à ponte do Córrego Quebra-Ossos. A caminhada termina em Ipoema, passando-se em frente ao Museu do Tropeiro, Praça e Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição.

Significado do Nome

 

Aniversário da Cidade:

09 de Outubro 

Gentílico:

itabirano

População:

109.551 habitantes  

hspace=0 CARACTERÍSTICAS:

Desfrute da natureza local. Todas as emoções, alegrias e paisagens tornam-se imensamente mais incríveis quando desfrutadas ao vivo.

Clima:

Tropical de Altitude 

Temperatura Média:

21º C 

hspace=0 COMO CHEGAR:

Belo Horizonte - BR 381 sentido Espírito Santo, passando Ravena, Nova União, Bom Jesus do Amparo, entrando à esquerda na MG 434 sentido Itabira e seguir pela MG 129 até chegar à cidade.

Localização:

Metropolitana de Belo Horizonte

Limites:

Itambé do Mato Dentro, Jaboticatubas, Nova União, Bom Jesus do Amparo, São Gonçalo do Rio Abaixo, Bela Vista de Minas, Nova Era e Santa Maria de Itabira. 

Acesso Rodoviário:

BR-116 (Rodovia Presidente Dutra) / BR-381 (Rodovia Fernão Dias) / Anel Rodoviário de Belo Horizonte / BR-381 / MG-434 / MG-129. 

Distâncias:

Da Capital:

100 km 

Outras:

 

hspace=0 TURISMO:

Resumo:

Principais Pontos Turísticos:

Museus

Museu Itabirano

Caminhos Drumondianos

Memorial Drummond

A Reserva da Biosfera da Serra do Espinhaço

Significa que a área da APA Morro da Pedreira que abrange os distritos de Senhora do Carmo e Ipoema, em Itabira-MG, bem como toda a extensão territorial do Parque Nacional da Serra do Cipó, é uma importante área de proteção do Brasil que recebeu o reconhecimento internacional e que passou a integrar uma rede de mais de 400 reservas de biosfera em mais de 100 países.
Reconhecida pela UNESCO em 2005 como Reserva da Biosfera, a Serra do Espinhaço foi escolhida pelo programa "O Homem e a Biosfera/MAB" por ser uma espécie de divisor de águas de extrema importância do Brasil Central, por ter espécies de fauna e flora endêmicas e por ser uma das maiores formações de campos rupestres do Brasil.
A denominação e institucionalização da Reserva da Biosfera da Serra do Espinhaço revelam a importância dos ecossistemas existentes e, principalmente, a necessidade de preservação da paisagem de campos rupestres e afloramentos rochosos nas porções ocidentais dos distritos de Senhora do Carmo e Ipoema. Também indicam diversas possibilidades de desenvolvimento do turismo, uma vez que se trata de uma área privilegiada e com paisagem de grande beleza cênica. 

Parque Natural Municipal da Água Santa

O parque possui 12.000 m² de área verde no centro da cidade de Itabira. Nele se encontra o Poço da Água Santa que é um local de grande beleza cênica e valor histórico. Esse poço ainda é famoso por suas águas térmicas que brotam de fraturas de rochas ou falhas geológicas de grandes profundidades e que, segundo a população local, têm propriedades medicinais. Possui teatros de arena, bancos e outros equipamentos de lazer. O parque integra o Museu de Território Caminhos Drummondianos com o poema “Banho”, de Carlos Drummond de Andrade.
Endereço: Rua Água Santa, s/nº, Centro.

- Entrada Franca.

Rampa de Vôo Livre de Itabira

Em Itabira encontra-se hoje um dos melhores pontos para prática do esporte de vôo livre em Minas Gerais. Estes podem ser feitos com equipamentos de asa voadora, movida pelo vento – asa delta -, ou com um pára-quedas sentado em uma espécie de cadeira chamada selete – parapente -, por exemplo. A rampa com fácil acesso proporciona ótimas condições de vôo e pouso, além de bela paisagem e clima agradável.
Nível de dificuldade de acesso: Alto. Necessário o acompanhamento de um profissional devidamente certificado para a prática de esportes de aventura.
Localização: Serra dos Doze, MG-120, Estrada para Santa Maria de Itabira.

 

APA Morro da Pedreira

Descrição: Está localizada entre os distritos de Senhora do Carmo e Ipoema, abrange as localidades de Serra dos Alves, Bongue, Serra dos Linhares, Boa Vista, Laranjeiras, Maná e Montes Claros.Criado pelo Decreto Federal nº 98.891 de 26/01/90, á área possui 66.200ha em torno do Parque Nacional da Serra do Cipó. É considerada, pelo atla da Biodiversitas de Minas Gerais, área de extrema importância biológica e investigação cientifica no estado.

Atratrivos Naturais

Para aproveitar a natureza de Itabira, o Parque Ecológico Itabiruçu fica aberto apenas de manhã, de segunda a quinta. No fim de semana, vá ao Parque Ecológico da Mata do Intelecto, ou à Cachoeira Alta, que tem 97 metros de altura e fica na localidade de Macuco, no distrito de Ipoema.

Cachoeira Alta

Descrição: Localizada na Fazenda Cachoeira Alta, à 12 km do distrito de Ipoema, próxima ao trevo de Bom Jesus do Amparo, com uma queda de aproximadamente 100 metros, possibilitando a pratica de canyoning.

Cachoeira da Boa Vista

Descrição: Localizada a 12 km do distrito de Senhora do Carmo, esta cachoeira possui várias quedas de aproximadamente 50 metros que descem entre pedras formando piscinas naturais, o local é de fácil acesso, mas não possui infra-estrutura turística. Está localizada entre a Cachoeira Alta e a Cachoeira do Bongue.

Cachoeira do Bongue

Descrição: Localizada de 10 à 12 km do distrito de Senhora do Carmo, sentido serra dos Alves, a cachoeira possui várias quedas dágua totalizando aproximadamente 50 metros de altura, o local é de fácil acesso porém não tem infra-estrutura turística. Está localizada a cerca de 50km do centro de Itabira, sendo 4km de caminhada.

Cachoeira do Meio

Descrição: Localizada na Fazenda Cachoeira Alta a 12 km do Distrito de Ipoema tem aproximadamente 40m de altura. Local de difícil acesso, com restaurante, lanchonete e área de camping.

Cachoeira do Patrocínio Amaro

Descrição: Localizada a 12 km do distrito de Ipoema.A cachoeira possui uma queda dágua não muito alta, porém tem uma piscina natural na sua base. O local é de difícil acesso, mas tem restaurante, lanchonete e área para camping.

Capela de São José

Descrição: Localizada no povoado da serra dos Alves a 15 Km do distrito de Senhora do Carmo, a capela foi construída por volta de 1860, com características coloniais em estrutura autônoma em madeira e vedação em adobe e pau-a-pique, sobre embasamento em pedra. No interior da capela, uma inscrição na fundação do sino de São Paulo, datada de 1727, tem o nome de Padre Santos Saez Achá, pároco responsável pela capela de 1923 a 1940.

Casa do Brás

Descrição: Espaço multifuncional que funciona num casarão de 1857, em estilo colonial. Promove oficinas, perfomances, saraus, seminários e exposições, entre outros. Abriga objetos particulares do fotógrafo Brás Martins da Costa, que brindou o itabirano com registros de festas religiosas e cotiano das famílias.

Casa dos Drummonzinhos

Descrição: Pertenceu à família de Carlos Drummond de Andrade, que nela passou os primeiros anos de vida. Adquirido pela Prefeitura, em 2002, o belo solar do século XIX tem jardim desenhado por Altivo Andrade, irmão do poeta, com canteiros em formas distintas: estrela, coração e meia lua.

Centro Itabirano de Artesanato

Descrição: Reúne o que há de melhor no artesanato local, com trabalhos em crochê, bordados, cerâmica, madeira, pintura, barbante, cestaria e culinária típica. Funciona numa casa de 1915, erguida pra sediar o escritório da Companhia de Força e Luz. Arquitetura Eclética

hspace=0 EVENTOS:

Calendário de Janeiro a Dezembro:

- As festas religiosas que se destacavam era do Divino Espírito Santo(elite local) e da Nossa Senhora do Rosário (Irmandade Negra).

28/03 – Data Comemorativa: aniversário do Museu do Tropeiro

16/07 – Feriado: Nossa Senhora do Carmo, padroeira do Distrito de Senhora do Carmo

07/10 – Feriado: Nossa Senhora do Rosário, padroeira da cidade

09/10 – Feriado: Aniversário da Cidade

31/10 – Data comemorativa: Aniversário de Carlos Drummond de Andrade 

hspace=0 INFORMAÇÕES ÚTEIS:

PREFEITURA MUNICIPAL DE ITABIRA

E-mail: prefeito@itabira.mg.gov.br

Telefones: (31) 3839-2000  

Sites: http://www.itabira.mg.gov.br/

SUB-PREFEITURA:

E-mail:

Telefone:

INFORMAÇÕES AO TURISTAS:

EMPRESAS DE ÔNIBUS DA REGIÃO:
 
Viação Gontijo:

Telefone: 31-3831-5495 ou

Site: www.gontijo.com
 
Transporte Ferroviário:

Estação Ferroviária Desembargador Drummond

Saída diária de trem com destino a Vitória-ES

Endereço: Avenida Mauro Ribeiro, 110, Major Lage.

Telefone/Fax: (31) 3839-4349

ENDEREÇO DO SITE OU PORTAL DA LOCALIDADE:

E-mail:

Telefone:


CARTÓRIOS: CIVIL, IMÓVEIS, TÍTULOS E DOCUMENTOS, OUTROS:

CARTÓRIO TERCEIRO OFÍCIO DE ITABIRA:

RUA DOM PRUDÊNCIO, 37 - CENTRO
ITABIRA - MINAS GERAIS
Telefone : (31) 3831-4771 

CARTÓRIO ELEITORAL:

E-mail:

Telefone:

OUTRAS INFORMAÇÕES DE TELEFONES E E-MAILS:

HOSPITAIS:

CORPO DE BOMBEIROS: 193

DELEGACIA DE POLÍCIA:

OUTROS:

E-mails e telefones:

Sites: www.estradareal.org.br

http://www.estacoesferroviarias.com.br

http://www.guiamais.com.br

http://pt.wikipedia.org

PESSOAS ILUSTRES NASCIDAS NA LOCALIDADE:

João Batista Viana Drummond - Barão de Drummond, empresário abolicionista e progressista brasileiro

Ana Beatriz Barros - modelo

Carlos Drummond de Andrade - poeta

Horácio de Carvalho - escritor e jornalista

João Camilo de Oliveira Torres - escritor e historiador

Ronaldo Silvestre - estilista

Renan Oliveira - futebolista 

OUTRAS INFORMAÇÕES ÚTEIS DA LOCALIDADE: 


Conheça nossas opções de hotéis em Itabira e pousadas em Itabira para visitar Itabira.

Promova a cidade de Itabira no Férias. Envie-nos mais informações para alavancar sua cidade nesse novo contexto do turismo nacional!
Clique aqui.

 

 





 

HOME   |   CADASTRE-SE NO PORTAL   |   ÁREA PARA PARCEIROS   |   CONTATO

© Copyright 2014 - ferias.tur.br - Seu Portal de Turismo!