Escolha uma cidade
HOME   |   CADASTRE-SE NO PORTAL   |   ÁREA PARA PARCEIROS   



Conhece Piranhas?
seta piscando Deixe seu comentário!
Envie suas fotos!

Piranhas

INFORMAÇÕES | FOTOS |VíDEOS | HOSPEDAGEM | RESTAURANTES | AGÊNCIA DE TURISMO | IMOBILIÁRIAS | LOCADORA DE VEÍCULOS | GUIAS DE TURISMO | OUTROS




 

 

Roteiros do Brasil

Região do Sertão Alagoano

hspace=0 HISTÓRIA DA CIDADE

A Histórica cidade de Piranhas, fundada no século XVIII, e banhada pelo rio São Francisco, apresenta grande beleza natural. Em um riacho, que hoje é chamado, das Piranhas, um caboclo pescou uma grande piranha, preparou e salgou o peixe, levando-o pra casa. Chegando lá notou que esquecera do cutelo; voltou-se para o filho, dizendo-lhe com ênfase: Vá ao Porto da Piranha e traga o meu cutelo. Este fato foi sendo transmitido de geração a geração, e, segundo consta, denominou o lugar, que cresceu próximo ao riacho, através de um porto fluvial. Suas estreitas ruas são o caminho para uma visita aos casarões coloniais. A 315 km de Maceió, situada na microrregião do Sertão alagoano, Piranhas faz limites com os municípios Olho D’Água do Casado, Pão de Açúcar, São José da Tapera, Inhapi e Rio São Francisco. Encontra-se a 47 metros acima do nível do mar. Possui uma área de 409,1 km2, seu clima é temperado, variando de 39° a 20° graus. A cidade é banhada pelo Rio São Francisco, Rio Boa Vista ou Piranhas, Rio Urucu e Rio Capiá. Sua vegetação é a caatinga, apresentando plantas rasteiras, arbustivas e cactáceas. Sua população, segundo dados do IBGE (2000), é de 19.652 habitantes e sua economia esta baseada na Pesca, pecuária extensiva e agricultura. Expressões folclóricas reforçam a riqueza cultural de Piranhas e do Distrito de Entremontes. O artesanato apresenta peças em couro, madeira, palha, tecelagem, tapeçaria e cerâmica. Os bordados confeccionados em vários municípios da região são uma importante fonte de renda para a população. O conjunto arquitetônico de Piranhas é um dos mais expressivos exemplos do patrimônio histórico edificado na região. Na Estação Ferroviária de Piranhas funciona o Museu do Sertão, com muitas peças referentes ao Ciclo do Cangaço. O Sítio histórico onde está situada a sede municipal é um atrativo turístico, com seu casario colonial, disposto irregularmente ao longo do relevo ondulado, por onde se formam as ladeiras, calçadas com pedras portuguesas.  

Significado do Nome

Seu nome deve-se a um caboclo que pescou uma piranha num riacho próximo. 

Aniversário da Cidade:

24 de Janeiro 

Gentílico:

piranhense

População:

23.052 habitantes  

hspace=0 CARACTERÍSTICAS:

A cidade dispoe de ótimas pousadas e belíssimos restaurantes, inclusive flutuante, sobre o Velho Xico e às margens do rio. Também no mirante secular, com belíssima visão da cidade e rio, entre outros. Na orla encontramos diversos quiosques e bares com comidas e bebidas típicas.

Clima:

Quente e Seco 

Temperatura Média:

28º C 

hspace=0 COMO CHEGAR:

Localização:

Município da Região do Sertão do Estado de Alagoas 

Limites:

Olho dÁgua do Casado, Pão de Açúcar, São José da Tapera, Inhapi e Canindé de São Francisco (SE). 

Acesso Rodoviário:

Território, cidade e vila são acessíveis pelo rio São Francisco e por meio das rodovias BR – 361, BR – 423 e AL – 220, no Estado de Alagoas e pelas rodovias no Estado de Sergipe. 

Distâncias:

Da Capital:

291,4 km   

Outras:

 

hspace=0 TURISMO:

Resumo:

Para turistas, existem passeios por trilhas, como a angicos local entre serras onde foi assassinado o cangaceiro Lampião, passeio aquático nos catamarãs ou na belíssima escuna no lago da hidrelétrica.

Principais Pontos Turísticos:

Cachoeira do Vale da Ribeira

Canyon do Rio Capiá, que percorre 12 km na caatinga, mostra quedas d’água de 3 metros de comprimento, por 4 metros largura. Sua trilha torna-se muito atraente pela vegetação e pelos acidentes geográficos da região; 

Trilha Ecológica do Rio Capiá

A trilha é ingreme, com um relevo ondulado por um trecho de 40 minutos, até chegar ao leito do rio. A existência de água, pedras e caatinga torna a trilha diferente das outras, formando uma bela e harmoniosa composição; 

Riacho do Talhado

Nos municípios de Olho D’Água do Casado e Delmiro Gouveia, que com suas inesquecíveis paisagens, participam do amplo leque de atrativos naturais que Alagoas revela para o Brasil e para o mundo.

Coito do Corisco (esconderijo do Corisco)

Na fazenda Patos. – Rochas cercadas de caatinga num pequeno vale; 

Estação Ecológica da Usina Hidrelétrica de Xingó

O projeto está inserido no programa de manejo e conservação da fauna e flora, do plano Básico Ambiental da CHESF; 

Trilha do Coito do Corisco

Extensão de 800 metros, partindo da Fazenda Patos até o abrigo de Corisco. Trilha ondulada e coberta de caatinga. A casa da fazenda foi palco da vingança de Corisco pela morte de Lampião; 

Prainha (praia fluvial)

Centro Histórico de Piranhas – A prainha tem uma extensão de 150 metros. A vegetação é de coqueiros com entorno de caatinga. É propícia para banho à margem, mas deve-se ter cautela com a profundidade que chega até 74 metros. A ancoragem pode ser realizada de forma natural, para barcos de pequeno e médio portes. Possui bares e restaurantes servindo a famosa pituzada; 

Praias Fluviais do Rio São Francisco

Deliciosos banhos e paisagens exuberantes de caatinga junto às margens do Velho Chico; 

Trilha da Via Férrea

Trilha ecológica realizada entre montanhas com exuberante caatinga e vista panorâmica do Rio São Francisco; 

Povoado de Entremontes

primeiro núcleo de povoamento de Piranhas, se destaca o artesanato em rendendê e ponto de cruz com qualidade excepcional. O povoado também possui um belo casario colonial contando com prédios importantes para a história local, a exemplo da casa que hospedou D. Pedro II em 1859. Além do artesanato o povoado explora economicamente a pesca do camarão, pitú e outros tipos de pescados; 

Povoado de Piau

Localizado às margens da AL – 220, esta localidade possui vários grupos folclóricos a exemplo do Reisado de Santa Quitéria, da Banda de Pífanos, além de encontrar artesanato em madeira e pintura em óleo; 

Conjunto Arquitetônico da Antiga Estação Ferroviária – Centro

É um dos mais expressivos exemplos do patrimônio histórico edificado na região e apresenta características do estilo neoclássico; 

Museu do Sertão

Acervo criado em 1983 abriga peças à cultura e a história do município, está localizado no prédio da antiga estação ferroviária construído em 1881. No Museu do Sertão é possível vislumbrar fotos do famoso cangaceiro Lampião e seu bando em plena caatinga, vale ressaltar que Piranhas foi a primeira cidade a expor as cabeças dos cangaceiros e registrar este acontecimento em fotografia. Aberto das 08h/12h – 13h/17h (segunda às quintas-feiras), das 08h/17h (sábados, domingos e feriados). Acervo com mais de 100 peças, representando a memória regional e o cotidiano do sertanejo; 

Hidrelétrica de Xingó

Implantada pela Chesf para atender à demanda energética do Nordeste. Com o represamento das águas do rio surgiu um cenário de beleza incontestável, o Lago de Xingó, que permitiu a navegação, revelando todo o esplendor que a região possui; 

Igreja de Santo Antônio

Em Piranhas de Baixo, construção do final do século XVIII; 

Igreja Nossa Senhora da Saúde

Em estilo neoclássico, do início do século XIX; *Mirante de Atalaia – em frente a casa de hóspedes – Mostra o vale do Rio são Francisco e o Centro Histórico; 

Mirante Secular

Em frente à antiga estação de Piranhas (alto da Serra). Obelisco do século XIX, com cerca de 8m de altura, símbolo da fraternidade entre gerações. Uma placa de bronze traz a seguinte inscrição: “Os homens do século XIX saúdam os homens do século XX”. Oferece uma vista privilegiada do Sítio Histórico. Acesso por escadaria com mais de 300 degraus; 

Centro de Recepção de Visitantes

Local onde o turista recebe a primeira explanação sobre o Complexo Hidrelétrico de Xingó. Construída em 1988. Do mirante tem-se uma vista parcial da UHE de Xingó, o Centro possui ainda estacionamento, heliporto, loja de artesanato, banheiros, secretaria, sala de recepção e cantina. Nos jardins estão localizadas gigantescas esculturas naturais: os blocos de rochas retirados do fundo do Rio, durante a construção das barragens.   

hspace=0 EVENTOS:

Calendário de Janeiro a Dezembro:

 Janeiro/Fevereiro

24 à 02 - Festa da Padroeira (24/01 a 02/02)

- Carnaval

 Junho

- Festas juninas 

hspace=0 INFORMAÇÕES ÚTEIS:

PREFEITURA MUNICIPAL DE PIRANHAS

E-mail: contato@piranhas.al.gov.br

Telefones: (82) 3686-3078 

Sites: http://www.piranhas.al.gov.br/

SUB-PREFEITURA:

E-mail:

Telefone:

INFORMAÇÕES AO TURISTA: 

Terminal Rodoviária de Maceió-AL

Telefone: (82) 3221-4615

ENDEREÇO DO SITE OU PORTAL DA LOCALIDADE:

E-mail:

Telefone:

CARTÓRIOS: CIVIL, IMÓVEIS, TÍTULOS E DOCUMENTOS, OUTROS:

OFÍCIO DE REGISTRO CIVIL DAS PESSOAS NATURAIS:

E-mail:

Telefones: (82) 3686-1267 / 8828-3476

Sites: http://portal.mj.gov.br/

CARTÓRIO ELEITORAL:

E-mail:

Telefone:

OUTRAS INFORMAÇÕES DE TELEFONES E E-MAILS:

HOSPITAIS:

CORPO DE BOMBEIROS: 193

DELEGACIA DE POLÍCIA:

OUTROS:

E-mails e telefones:

Sites: www.municipionline.com.br

www.citybrazil.com.br

www.turismocooperativo.coop.br

www.colegiomotiva.com.br

www.maisalagoas.uol.com.br

www.cnm.org.br

http://pt.wikipedia.org

PESSOAS ILUSTRES NASCIDAS NA LOCALIDADE:

 

OUTRAS INFORMAÇÕES ÚTEIS DA LOCALIDADE:


Conheça nossas opções de hotéis em Piranhas e pousadas em Piranhas para visitar Piranhas.

Promova a cidade de Piranhas no Férias. Envie-nos mais informações para alavancar sua cidade nesse novo contexto do turismo nacional!
Clique aqui.

 

 





 

HOME   |   CADASTRE-SE NO PORTAL   |   ÁREA PARA PARCEIROS   |   CONTATO

© Copyright 2014 - ferias.tur.br - Seu Portal de Turismo!