Valão do Barro

Valão do Barro-RJ

Bem-vindo a Valão do Barro!

Utilize o menu esquerdo para acessar os melhores hotéis em Valão do Barro e muitas outras opções de hospedagem na cidade Valão do Barro. Você vai encontrar desde camping e chalés, até os melhores resorts e pousadas em Valão do Barro.

Comentários de Valão do Barro

cidade maravilhosa,povo acolhedor e muito carinhoso.festa maravilhosa no mes de agosto.Naõ deixe de conhecer!!!
Por: wagner

Valão do Barro, 2º Destrito de São Sebastão do Alto, um lugar de muita natureza, com há pessoas simples e amigável. Cidadezinha ótima para o descanso e repor energia. Temos a famosa Cachoeira de Senhor Orlando Daflon, um lugar maravilhoso, com muitas árvores frutíferas, lugar de fácil acesso e bem conservada. Temos também, o campo de futebol dos Alves, lugar de boas peladas do final de tarde. Para que gosta de aventuras uma boa opção é descer de bóia o rio dos índios ou subir a torre de boa vista de bicicleta. À noite e conhecer a praça, lugar do point da rapaziada com muita zaração e por fim, o famoso lanche do Paulinho, belo e suculento, é juntar o bom, gostoso e o barato. Vem com sua família para cá e terá umas das melhores férias de suas vidas.
Por: guilherme veloso rodrigues

Sou um apaixonado por esse lugarejo, e gostaria de contribuir para transformá-la essa cidadezinha do Norte do Estado em um ótimo lugar de se conhecer e passar suas férias. Estou recolhendo fotos entre amigos e familiares e relatos sobre histórias do dia dia. Esses relatos (histórias) de moradores antigos, que são passadas de geração a geração. Irei em breve enviar para vocês esse material. Achei algo muito interessante do escrito por J. G. de Araújo Jorge, que fez um trabalho e publicou no livro “Cantiga do Só " 2a edição 1968 com o nome “Introdução e Cantiga para Valão do Barro”. Segue em anexo: " Introdução e Cantiga para Valão do Barro " Quarta-feira, dia 26 de julho de 1961, tomei um banho de Brasil, um banho de pó e de lembranças. (O ônibus rodava pela estrada de terra: era um "cometa" deixando no ar uma cauda de poeira.) - "É aqui. Num qué chegá um pôco? - Fica pra outra veis. - Intão, boa viagem. Vá cum Deus. - Té a vorta. " Meus Deus, a minha infância! Carro de bois na estrada, carregado de cana, moleque de pé no chão acenando pra gente. Um enterro passando, (o enterro mais alegre do mundo) caixão vestido de chita estampada, como moça que vai pro baile. Quatro crioulos carregando, dançando, correndo, ( o chão pegando fogo!) - tinham pressa de levar o defunto pro céu. ( Mais atras, dois cavaleiros, todos dois chapéus na mão, e um terceiro sem cavalo: era o que ia no caixão... ) Currais na beira da estrada, bois pachorrentos ruminando o tempo, o touro cheirando a novilha sem nenhum respeito pelas "donas", do ônibus, assistindo pelas crianças espiando. Cheiro bom de cana espremida, cheiro doce de garapa escorrendo na moenda, um hálito acre de tachada de mel fervendo, - bafo de engenho! Meu Deus, a minha infância: bois mugindo, ruminando, porteiras velhas rangendo, currais, a terra manchando, moendas de cana, gemendo, carreiro agitando no ar o espigão, mulher de saia enganchada no lombo do cavalo. Goiabeiras; goiabeiras! e ainda existem goiabeiras! II Valao do Barro não tem nenhuma rua calçada, não tem cinema, não tem clube, não tem televisão, não tem estaçãozinha de trem... Mas Valão do Barro tem moça bonita como qualquer lugar: vi uma na janela, de costura na mão, e outras na rua, calças justas, "blue-jean", (a juventude transviada chegou de ônibus a Valão do Barro. ) Valão do Barro não tem nenhuma rua calçada, nem praça bonita com coreto, nem sei se tem prefeito. Valão do Barro é de barro mesmo. Mas tem uma igrejinha branca que a poeira não consegue encardir, e uma pracinha de árvores desalinhadas pisando nos canteiros, aconchegando densas ramagens como grande xale, e cochichando em grupos, como comadres. Valão do Barro não tem estaçãozinha de trem não tem cinema, só tem padre duas vezes por semana, para arrumar as vidas e os corações, e tem sempre mangueiras carregadas de sombras nos quintais... Ah, mangueiras, mangueiras ! E ainda existem mangueiras! - Que farão as moças de Valão do Barro? -- Farão meninos como todas as moças, meninos que estão na rua correndo, meninos que estão espiando os passageiros do ônibus, meninos que um dia serão homens e mudarão, quem sabe? o nome de Valão do Barro pra Valão do Asfalto. Quarta-feira, dia 26 de julho de 1961, tomei um banho de Brasil ! Estou alegre. estou limpo, porque me encontrei, estou triste porque sofri, porque me lembrei. (Poema de JG de Araujo Jorge - do livro " Cantiga do Só " 2a edição 1968 )
Por: guilherme veloso rodrigues

Conheço Valão do Barro, desde 1980. Minha esposa, Marlene da Silva do Nascimento, é filha de lá. É um lugarejo simpático, onde todos se conhecem e grande parte, são parentes. Há no local, uma família muito grande, de gente muito pobre, todos trabalhadores de fazendas locais, que moram na beira da estrada, antes da entrada de Valão do Barro. D. Ondina, com mais de 80 anos, criou filhos, netos e filhos de parentes. É uma velha senhora, doce e muito querida por todos. Ela é do tempo em que Valão do Barro, era apenas uma estrada de barro, que cortava as fazendas de criação de gado, etc. Hoje, seu casebre ainda recebe quem passa no local, com o seu gostoso café, feito no fogão à lenha. Valão do Barro, com suas mangueiras nas ruas, tem sòmente uma rua principal, que nos conduz a outras estradas de barro, que se ramificam entre rios e fazendas, levando os visitantes a outros lugarejos distantes e muito interessantes. É um lugar de trabalhadores rurais e fazendeiros, onde, ainda hoje, não se consegue falar de tel. celular. Logo na entrada do lugar, ha uma igreja evangélica, algumas lojas, boas residencias, um posto de saúde, um banco e, os simpáticos moradores. É um local diferente de tudo que ja vi. Parece uma rua particular, ou um condomínio fechado, no entanto a extensão, é de mais ou menos 2 km de diâmetro. Em resumo, é um lugar que quem conhece, sente vontade de voltar.
Por: sergio gomes da cunha

valao do barro gostaria de conhece .dever ser muito bom la será mais na verdade nunca ouvir falar desse lugar
Por: vanessa

Valão do Barro é linda. Tem muita coisa interessante, passeios, boa comida e gente educada e bonita.
Por: Magdo

é uma cidade pecana e legal tem gente que fala que aqui é roça.Mas não é,esse lugar é muito legal
Por: arthur faria

Fui criada até os dez anos nesta cidade ,meu pai trabalhava para ofazendeiro João Paulo.
Por: maria

o tio do meu marido mora ao lado do cemiterio da cidade o nome dele e ivani e a esposa e tania em 1999 eu tive o prazer de conhecer um pouco da cidade e gostei.
Por: marcia pinto ribeiro

EU ; ESTIVE AI; QUANDO TINHA MEUS 16 ANOS. ; JA SE PASSARAM 30 ANOS; QUE NUNCA MAIS VOLTEI; MAS NO QUE ME RECORDO A 30 ANOS ATRAZ ERA UMA DELICIA DE LUGAREJO;;;
Por: EVARISTO

morei ate os meus 15 anos neste lindo recanto, o que eu mas gostava era a festa da padroeira, que acontece em 15 de agosto, hoje tenho 56 anos moro no Rio de Janeiro-RJ quando a saudade aperta volto sempre a este pq. paraiso
Por: Moyses Rosa

meu nome é homero de paula pereira neto, neto do falecido Sr homero, sou sobrinho do chiquinho do posto, sempre que posso apareço no vaão, um abraço a todos e fiquem com Deus, HOMERO de MT.
Por: homero de paula pereira neto

Informações de Valão do Barro

 

Roteiros do Brasil

Região

 

 

hspace=0 HISTÓRIA DA CIDADE:

 

Significado do Nome:


Aniversário da Cidade:


Gentílico:


População:

 

hspace=0 CARACTERÍSTICAS:

Uma distrito charmoso, pequeno, tranquilo, acolhedora e bastante aconchegante. Venha conhecer Valão do Barro.

Clima:

Tropical de altitude

Temperatura Média:


hspace=0 COMO CHEGAR:

Localização:

Centro fluminense

Limites:

Cantagalo, Itaocara, Macuco, Santa Maria Madalena, São Fidélis e Trajano de Morais

Acesso Rodoviário:


Distâncias:

Da Capital:

232 km

Outras:

 

hspace=0 TURISMO:

Resumo:

Principais Pontos Turísticos:

 

hspace=0 EVENTOS:

Calendário de Janeiro a Dezembro:

 

hspace=0 INFORMAÇÕES ÚTEIS:

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO SEBASTIÃO DO ALTO - DISTRITO DE VALÃO DO BARRO

E-mail:

Telefones: (22) 2559-1160

Sites: http://www.ssalto.rj.gov.br/prefeitura/index.php

SUB-PREFEITURA:

E-mail:

Telefone:

INFORMAÇÕES AO TURISTA:

Terminal Rodoviário Novo Rio:

Av. Francisco Bicalho, 01 - Santo Cristo
Telefone: (21) 3213-1800
Rio de Janeiro-RJ
Funcionamento 24 horas

ENDEREÇO DO SITE OU PORTAL DA LOCALIDADE:

E-mail:

Telefone:

CARTÓRIOS: CIVIL, IMÓVEIS, TÍTULOS E DOCUMENTOS, OUTROS:

OFÍCIO ÚNICO:

E-mail: cartoriossalto@hotmail.com

Telefones: (22) 2559-1312 / 1312

Sites: http://portal.mj.gov.br/

CARTÓRIO ELEITORAL:

E-mail:

Telefone:

OUTRAS INFORMAÇÕES DE TELEFONES E E-MAILS:

HOSPITAIS:

CORPO DE BOMBEIROS: 193

DELEGACIA DE POLÍCIA:

OUTROS:

E-mails e telefones:

Sites: http://pt.wikipedia.org

PESSOAS ILUSTRES NASCIDAS NA LOCALIDADE:

 

OUTRAS INFORMAÇÕES ÚTEIS DA LOCALIDADE:

 

0
hotéis, pousadas e serviços encontrados em Valão do Barro

Envie seu comentário sobre Valão do Barro