Rio Claro

Rio Claro-RJ

Bem-vindo a Rio Claro!

Comece planejando a sua viagem para Rio Claro utilizando o menu no lado esquerdo para escolher uma opção de hospedagem. Temos diversas pousadas em Rio Claro e hotéis separados por categoria. Você também vai encontrar muitas fotos enviadas por internautas, para planejar o que fazer em Rio Claro.

Informações de Rio Claro

Roteiros do Brasil

Região Costa Verde

hspace=0 HISTÓRIA DA CIDADE

Os índios Puri, também chamados Coroados - foram os primeiros habitantes naturais dessa região. Por volta do Século XVII e XVIII começou a surgir o povoamento da área de Rio Claro e São João Marcos.
A colonização se iniciou quando foram procurados caminhos pelas serras até Minas Gerais, através do Rio Paraíba.
Paraíba - que na línguas dos índios significava rio ruim para navegação.
Os índios que habitavam a divisa dessas terras com Minas Gerais ofereciam bastante resistência à entrada desses colonizadores. Muitas batalhas foram travadas pelos bandeirantes na suas entradas para abertura de novas trilhas para escoamento do ouro de Minas para o porto do Rio de Janeiro.
Nos caminhos desbravados pelos colonizadores foram se formando todo tipo de povoamentos com estalagens para a pousada dos viajantes, ranchos, roças e pequenos locais que subsistiam com suas casas de comércio.
Grandes fazendas foram também sendo criadas e um tráfego de tropeiros foi-se intensificando e se tornando um negócio de proporções significativas.
Os tropeiros utilizavam trilhas que eram provavelmente caminhos que tinham sido abertos pelos índios.
Eram passagens utilizadas por homens e animais, difíceis de serem utilizadas mesmo por carroças. Ficavam em péssimo estado durante o período de chuvas. As pessoas e cargas atravessam os rios por canoa e os animais à nado. No entanto o tráfego era bastante intenso, sobretudo na época da descoberta do ouro em Minas Gerais e, segundo consta, bastante organizado. Esses caminhos se tornaram uma alternativa mais segura do que o transporte feito por via marítima, já que os ataques piratas ocorriam, na zona costeira, durante todo o período da colonização.
Foi uma época de grande enfrentamento com os índios que já tinham sido levados a viver nas áreas extremas da fronteira com Minas Gerais e estavam sendo dizimados e afastados cada vez mais para longe de suas terras.
A agricultura começou a surgir como produção de gêneros de subsistência e de cana-de-açúcar para abastecimento da cidade e das tropas.

Significado do Nome

 

 

Aniversário da Cidade

 

 

 

hspace=0 CARACTERÍSTICAS

 

Clima 

 

Temperatura Média

 

 

 

hspace=0 COMO CHEGAR

Localização

 

Limites

 

Acesso Rodoviário

- Via Rodovia Saturnino Braga 
Saindo da Linha Vermelha, seguir a Rod. Presidente Dutra (BR-116). Entrar em Piraí (estrada de chão) no km 17 até Passa Três, depois seguir a Rodovia Saturnino Braga (RJ-155) até Rio Claro.
 
- Via Rodovia Presidente Dutra 
Saindo da Linha Vermelha, seguir a Rod. Presidente Dutra (BR-116). Entrar na altura do km 268, na antiga estrada Rio- São Paulo até Passa Três e depois seguir até a Rodovia Saturnino Braga (RJ-155) sentido Angra dos Reis.
 
- Via Rodovia Saturnino Braga 
Saindo da Linha Vermelha, seguir a Rod. Presidente Dutra (BR-116). Entrar em Piraí (estrada de chão) no km 17 até Passa Três, depois seguir a Rodovia Saturnino Braga (RJ-155) até Rio Claro. 
 

Distâncias

 

hspace=0 TURISMO

 

Principais Pontos Turísticos

 

Cachoeira do Rio Claro 

Horário: Permanente
A Cachoeira do Rio Claro, situada no rio que leva o mesmo nome, desce a encosta do Morro do Rastro por um paredão rochoso que possui no seu total aproximadamente 130m de altura. Possui três saltos, os dois primeiros com altura em torno de 50m cada e o terceiro com 30m aproximadamente. Não Apresenta piscinas naturais e seu leito é todo formado por pedras. Suas águas são claras, transparentes e frias, entretanto seu volume é bastante reduzido devido ao represamento de suas águas, feito pela Cedae antes da formação da cachoeira. A vegetação circundante é composta de árvores de médio porte além de cipós, trepadeiras e muitos lírios. Há possibilidade de banhos mas somente nas duchas naturais.
 
Pedra de Santa Terezinha 
 
Horário: Sem condições de acesso
Situada no Morro do Rastro, a Pedra consta de uma saliência rochosa localizada no meio do morro. Possui marcas na sua superfície que lembram o formato de uma vela e o perfil de uma santa. Não é possível o acesso, entretanto, ela pode ser vista de todos os pontos da sede do município. A vegetação que a circunda é formada pela floresta tropical, possuindo samambaias no topo da pedra. O atrativo, sem condições de acesso, destaca-se pelas características de sua formação.
 
Pedra do Bispo 
 
Horário: Permanente
Localizada na Serra da Carioca, com aproximadamente 1400 metros de altitude, oferece belíssima caminhada e ampla vista e toda a região. Diretamente ligada à origem do antigo nome de Rio Claro - Itaverá (pedra que brilha), assim chamada pelos índios Purís. Recebeu este nome de Pedra do Bispo pois segundo consta, há tempos em seu topo foi rezada uma missa, por um bispo. A vegetação ao pé do Pico é composta pela floresta tropical. Do topo tem-se uma ampla vista de toda região e parte de Volta Redonda. O local é propício para escalada que podem ser feitas através de trilhas.
  
Pedra do Descanso 

Horário: Permanente
Local onde a população, durante o ato de cortejo fúnebre, no percurso de Pouso Seco a Rio Claro, descansavam o caixão sobre a pedra, prosseguindo depois ao cemitério. Situa-se na Trilha da Independência.
 
Pedra do Rastro 
 
Horário: Permanente
Situada no topo do Morro do Rastro, a Pedra possui 7 metros de comprimento e 4 metros de largura. Há uma lenda que conta que épocas passadas, durante a realização da procissão de São Benedito, um homem encontrava-se sentado em uma pedra, e ao passar a procissão, fez zombarias. Em dado momento, a pedra afundou e nela fixou a marca do personagem e de seus pertences. Nela estão as marcas de uma pegada com sapato, a pata de um cachorro, o contorno de um guarda-chuva e o lugar onde o homem estava sentado. A paisagem que o circunda é bastante agradável podendo do local ser visto parte da sede do município. A vegetação é composta de árvores de pequeno porte e arbustos e no percurso da caminhada encontram-se lírios por toda parte. 
  
Represa de Ribeirão das Lajes 

Horário: Permanente
A Represa é formada pelos Rios Pires, da Prata e Machado e pelo Rio Piraí, que é desviado de seu curso normal, pela Barragem de Tocos, por túnel que leva até a Represa. Possui uma área total de 204 Km2, que atinge o município vizinho de Piraí. Na área de Rio Claro, ela possui uma área de 42 Km2, que ocupa o lugar onde outrora existia a cidade de São João Marcos. Sua inundação se iniciou com a assinatura do contrato pela Cia. Light e Power e administrativo de São João Marcos, em 1907. Terras foram desapropriadas e a cidade evacuada para a inundação que ocorreu em 1943, quando a cidade desapareceu submersa sob as águas de um imenso lago que forma a Represa Ribeirão das Lajes. Estudos feitos pelo Departamento de Florestas da Faculdade Rural do Rio de Janeiro concluirão que a área do complexo das Lajes é possivelmente a única no estado com dimensões apropriadas à preservação da flora e fana, típicas de uma região devastada. Suas águas seguem para Usina de Ribeirão das Lajes, de onde partem para a Estação de Tratamento de Guandu, por tubulação, para serem tratadas e distribuídas para abastecimento do município do Rio de Janeiro. Ocupando cerca de 25% do território e Rio Claro, a represa, reserva ecológica por decreto governamental, pode ser percorrida por diversas trilhas. Que encantam a todos que se aventuram a observar a exuberante flora e fauna. Comuns são os patos selvagens, martins pescadores e os micos. Entre os meses de setembro a fevereiro são impraticáveis estas trilhas devido ao excesso de chuvas.
 

Rio Piraí 
 
Horário: Permanente
É o principal dos rios que formam a extensa Bacia Hidrográfica do Município. Nasce na Serra do Sinfrônio, em Lídice, segundo distrito, e desce em direção a Rio Claro, onde recebe os afluentes: Rio das Pedras, Parado, Braço, Rio das Canoas e o Rio Claro. Sua foz é no Município de Piraí. Principal características: Corredeiras típicas das regiões serranas que formam belíssimas cachoeiras de águas frias e cristalinas, atraindo adeptos da natureza e de esportes como a canoagem e rafting. As cachoeiras mais freqüentadas e de fácil acesso são: Cachoeira de Laje e Cachoeira Cascata. Outras de acesso mais difícil, oferecem além da beleza, gratificantes caminhadas em trilhas pouco percorridas.

Capela de São Joaquim da Grama 
 
Horário: Permanente
Localiza-se na encosta de um vale, vertente do Rio Piraí, sobre uma elevação do terreno, antes de se chegar à Fazenda da Grama. A Capela é em estilo neoclássico e possui dois campanários. Seu frontispício é constituído de um sacada sobre o pórtico, ambos em forma de arco. Seu conjunto arquitetônico encontra-se em estado de abandono. Foi construída em 1887, pelo Comendador Joaquim José de Souza Breves, com a finalidade de receber os seus restos mortais. Encontra-se hoje entregue ao abandono, que resultou a degradação de todo o seu acervo artístico. Em estilo neoclássico, foi tombada pelo Estado, está na mira do poder público atual que luta por sua restauração. Consta que o Comendador Breves só fez seu testamento para garantir a perpetuidade do culto e como foi colocado nesse testamento: em intenção a minha alma, dos membros de minha família, escravos, libertos e amigos que forem depositados na dita igreja e sepultados no cemitério da mesma . Nem a fortuna do Comendador sobreviveu a ele - ele morreu em 1889, uma ano depois da Abolição dos Escravos e toda sua fortuna estava investida em escravos e plantações, que se foram simultaneamente. Nem a capela pode continuar a existir depois de toda a derrocada.
  
Igreja de Nossa Senhora da Piedade 
 
Horário: Horário das missas
A Igreja está situada no ponto central da sede do município, a Praça Fagundes Varella, tendo como entorno casarios antigos e novos e à sua frente a sede da Prefeitura. Sua construção data do fim do século XVIII e início do século XIX, e foi edificada por escravos em alvenaria de pedra. Possui na fachada duas torres sineiras que aldeão o frontão triangular, em cujo centro se encontra um relógio, no seu interior, na ala lateral direita, encontra-se uma gruta com as imagens de Nossa Senhora de Fátima e Bernadete, uma das videntes da sua aparição, e uma Capela do Santíssimo com um pequeno altar. Na ala lateral esquerda, situa-se o batistério, com pia batismal em mármore e um quadro a óleo de Nózor, sobre o batismo de Jesus Cristo por São João Batista. Nas laterais do altar-mor com mármore branco com trono ao alto, onde se encontra a imagem de Nossa Senhora da Piedade, estão as imagens do Sagrado Coração de Jesus e São José. Nas laterais encontram-se as imagens em gesso em alto-relevo da Via Sacra. No abside encontram-se as imagens, em madeira de Nossa Senhora dos Passos, São Miguel, Cristo Morto e Nossa Senhora das Dores, que podem ser vistos em procissões realizadas pela cidade.
 

hspace=0 EVENTOS

 

 

 

 

hspace=0 Informações Úteis

 

 

Prefeitura Municipal de Rio Claro.

 

hspace=0 

hspace=0 

Serviço de Informação ao Turista: Fone: (24) 3332-1296/ 3332-1181

hspace=0

hspace=0 

 

 

 

 

hspace=0 Hospital - Fone: (24) 3332-1292

hspace=0 

 

hspace=0 Rodoviária -  Fone: (24) 3332-1509 
  


Créditos

Informações e fotos

Sites:  www.turisrio.rj.gov.br

www.cmrioclaro.rj.gov.br

 

Comentários de Rio Claro

Já morei nessa cidade a muitos anos, tenho saudades, fiquei feliz em ver comentarios, fotos sobre ela, espero que divulguem mais fotos da cidade.
Por: Alessandra Barbosa

EU MORO EM SÃO GONÇALO-RJ., MAS TENHO A MAIOR LOUCURA DE CONHECER A CIDADE DE RIO CLARO-RJ., MAS TENHO CERTEZA QUE IREI UM DIA. QUE DEUS POSSA ME AJUDAR.
Por: jose toninho

0
hotéis, pousadas e serviços encontrados em Rio Claro

Envie seu comentário sobre Rio Claro